Depois de publicarmos um artigo aqui falando a respeito de oito jogadores que destruíram seus carrões em acidentes de rua, agora chegou à vez de falarmos a respeito de alguns desses que não tiveram a sorte de sair ilesos e vivos. Como foi o caso de Denner e Mahicon Librelato, que vieram a falecer em acidentes de trânsito - os jogadores na época defendiam Vasco e Inter, respectivamente.

Sem seguirmos uma ordem cronológia e de destaque, traremos abaixo cinco jogadores que poderiam ter brilhado nos campos de futebol mundo a fora e em nossa seleção brasileira. Confira.

Denner

imagem: internet
imagem: internet
Revelado pela Portuguesa, o jovem de apenas 23 anos e promessa do futebol brasileiro (sendo comparado a Pelé) vivia um momento incrível em sua carreira. Depois de ter uma passagem rápida pelo Grêmio, o mesmo estava no Rio de Janeiro defendendo as cores do Vasco da Gama e praticamente negociado ao futebol alemão, no entanto, no dia 19 de janeiro de 1994, na "cidade" maravilhosa, o jogador se envolveu em um grave acidente de trânsito, com seu Mitsubishi Eclipse que perdeu o controle e veio a bater em uma árvore; o jovem atacante acabou não resistindo aos ferimentos e veio a nos deixar no auge de sua carreira.
Veículo de Denner após a colisão - imagem: internet
Veículo de Denner após a colisão - imagem: internet

Mahicon Librelato

L
imagem: Sport Club Internacional O atacante Librelato de 21 anos, do Internacional, morreu no dia 28 de novembro de 2002, em um acidente de trânsito em Florianópolis. O jovem perdeu o controle de sua camionete na Avenida Beira-Mar, em uma curva próxima da cabeceira da Ponte Hercílio Luz, que acabou sendo jogada para dentro do mar. Antes de parar dentro do oceano, o veículo atravessou uma ciclovia e a calçada, derrubando um poste metálico de iluminação. A causa da morte do ex-jogador do Internacional foi dada como parada cardiorrespiratória.
Carro de Librelato sendo tirado de dentro do Mar em Florianópolis - imagem: internet
Carro de Librelato sendo tirado de dentro do Mar em Florianópolis - imagem: internet

Carlos Adriano de Jesus Soares - o Alemão

Ale
imagem: ig
imagem: ig

O atacante do Palmeiras, de 23 anos, morreu em um acidente de carro na madrugada de setembro de 2007, em Nova Iguaçu. O jogador dirigia seu veículo pela Via Light, quando perdeu o controle do mesmo e colidiu contra uma árvore, não sobrevivendo aos graves ferimentos.

Alexandre Escobar Ferreira

imagem: ig
imagem: ig

Com apenas 20 anos, o jovem e promissor goleiro do São Paulo - cotado como futuro sucessor de Zetti e que tem sua morte lamentada pelos torcedores do Tricolor Paulista daquela época, veio a falecer em um acidente de carro em São Paulo, em julho de 1992. Por questões do destino, Rogério Ceni acabou se tornando o substituto de Zetti no clube paulista.

Weverson

Sem imagens do jogado - imagem: internet
Sem imagens do jogado - imagem: internet

Mais um goleiro promessa do São Paulo que se foi prematuramente. O jovem de apenas 19 anos era candidato a substituir Rogério Ceni, no Tricolor Paulista, mas por infelicidade do destino quis esses que ele partisse cedo deste plano. O goleiro que não teve chances de chegar ao time profissional do São Paulo faleceu em 2006, em um acidente de trânsito. A tragédia ainda levou consigo Natalia Lane, jogadora de vôlei do Osasco.