São Paulo recebe 1 milhão de euros por parcela atrasada da venda de Lucas Pratto ao River Plate

River Plate estava com uma parcela atrasada, e pagou cerca de 1 milhão de euros ao São Paulo. Ainda resta mais uma parcela de 1 milhão de euros, referente à premiação pela conquista da Libertadores do ano passado.

Por Talis Andrey de Mello
Compartilhe

O São Paulo teve uma boa notícia na última sexta-feira. O tricolor paulista recebeu 1 milhão de euros (aproximadamente 4,4 milhões de reais), referentes a uma parcela atrasada da venda de Lucas Pratto ao River Plate.

O time argentino atrasou em um mês o pagamento deste valor, e com isso, o clube brasileiro tinha o direito de acionar a justiça no caso. Entretanto, isso não foi feito. Além desse pagamento, o São Paulo ainda tem mais outra parcela de 1 milhão de euros a receber pela negociação do atacante.

Vendido ao River Plate em janeiro de 2018 por cerca de 11,5 milhões de euros (cerca de 44,5 milhões de reais na época), o São Paulo tinha direito a 8,5 milhões de euros ( aproximadamente 32,5 milhões de reais) pela negociação com Pratto. Em fevereiro de 2017, o tricolor paulista comprou o argentino, que na época estava no Atlético-MG, por cerca de 6,2 milhões de euros  (R$ 23,9 milhões).

Lucas Pratto foi vendido ao River Plate em janeiro de 2018. (Foto: Reuters)Lucas Pratto foi vendido ao River Plate em janeiro de 2018. (Foto: Reuters)

Além dos 11,5 milhões de euros, mais 3,5 milhões de euros (R$ 13,5 milhões) foram condicionados a metas (títulos que Pratto conquiste com o River). Com a conquista da Libertadores de 2018, por exemplo, o Tricolor lucrou mais 1 milhão de euros.

O River Plate, mesmo com o título da Copa Libertadores da América, na temporada passada, passa por um momento de reformulação financeira, assim como o futebol argentino, de maneira geral. A grande esperança de encher os cofres do clube de Buenos Aires era a venda do meia Quintero. Entretanto, a lesão sofrida no início deste ano impossibilitou um bom negócio para o clube alvi-rubro. 

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal