Scarpa tem contrato rescindido com o Palmeiras no BID

Direção do Palmeiras preferiu não se manifestar sobre o caso, acreditando que o mesmo tem que ser resolvido entre jogador e Fluminense.

Por
Compartilhe

Com a liminar desqualificada pela justiça, a CBF publicou no Boletim Informativo Diário desta última sexta-feira a rescisão de contrato de Gustavo Scarpa, assim sendo, o jogador está fora do confronto do Palmeiras contra o Novo Horizontino, neste sábado, às 19h, pelas quartas de final do Campeonato Paulista.

Assim como o BID publicou a rescisão com o Palmeiras, ele também colocou o meio-campista novamente como atleta do Fluminense – contrato válido até setembro de 2020.

Vale lembrar que na última quarta-feira, uma liminar que garantia condições de trabalho do jogador junto ao Palmeiras e consequentemente a rescisão com o Fluminense, foi derrubada pela justiça do Rio de Janeiro.

Com a volta da disputa nos tribunais, o Palmeiras preferiu não se manifestar publicamente – acreditando que isso é um caso a ser resolvido entre jogador e o clube carioca – uma vez que o clube está protegido por uma cláusula estipulada em contrato, que assegura que os empresários do jogador irão bancar qualquer valor devido ao Fluminense.

Agora é aguardar os novos capítulos para ver em que pé essa situação irá ficar, porém os advogados de Scarpa acreditam em uma vitória nos tribunais.

Scarpa volta a ser jogador do Fluminense até segunda ordem da justiça.Scarpa volta a ser jogador do Fluminense até segunda ordem da justiça.

Comentários