Com a aproximação das eleições presidências dentro do Sport Club Internacional, o Movimento Inter Grande - MIG, do qual a atual administração faz parte, delibera sobre um novo nome após a desistência de seu candidato preferencial e para o lugar deste surgiu o nome de Francisco Novelletto; sim, o ex-presidente da Federação Gaúcha de Futebol e o atual vice-presidente da CBF.

Porém, o dirigente já teria recusado o convite, conforme apurou a reportagem do site "GE", onde esse afirmou que as conversas haviam iniciado há cerca de duas semanas, mas que no momento ele não poderia deixar a sua função dentro da entidade máxima do futebol no país.

"Os últimos 15 dias foram de muita conversa, mas fica complicado para mim renunciar a CBF. Seria uma espécie de traição com a atual direção", declarou Novelletto.

Lembramos que nesta última segunda-feira, o então candidato a presidência do Inter - pela situação - Alexandre Chaves Barcellos comunicou de sua desistência a concorrer à presidência do clube.

Giovanni Luigi

Com a desistência do então 2º vice-presidente do Inter, a "chapa" da situação corre atrás de um novo nome de peso para concorrer às eleições de novembro e com o "não" de Francisco Novelletto, o ex-presidente Giovanni Luigi passou a ser o nome da vez pelo movimento já acima citado. Mas segundo fontes ligadas ao mesmo, esse também não quer concorrer se envolver no meio político colorado.

O primeiro turno das eleições presidências do Inter ocorrem no dia 25 de novembro - para conselheiros. O prazo para as inscrições de chapas se encerram no próximo dia 25 deste mês, ou seja, daqui a 22 dias. De momento é sabido que pelo menos três chapas deverão concorrer nestas eleições; uma da situação, uma de oposição e uma independente.