O Spor Club Internacional ainda está no aguardo para saber se deixará o Parque Gigante rumo a Santa Catarina para ampliar o status de seus treinamentos, em meio à pandemia do novo Coronavírus.

A ideia já é real nos bastidores do Beira-Rio, porém, a mesma será levada a partir de uma sinalização de datas para a retomada do futebol no Rio Grande do Sul. O Inter aguarda um novo posicionamento da Federação Gaúcha de Futebol sobre a volta do Gauchão.

Vale lembrar que a entidade máxima do futebol no estado trabalhava com a data de 19 de julho para a volta do Campeonato Gaúcho, mas a mesma já está descartada após novas atualizações da pandemia da COVID-19 pelo Governo do Rio Grande do Sul.

Sem a flexibilização as restrições sobre os treinos coletivos, somado a fala de Eduardo Leite durante a semana, fazem com que o Colorado, assim como o Grêmio e outros clubes do Rio Grande do Sul, pensem na ideia de deixar o estado em busca de lugares onde possam ampliar a suas preparações para a volta do futebol - seja ela a nível estadual ou nacional.

Para a direção do Inter não faz sentindo algum se transferir para outra região e aumentar os gastos, com deslocamento, hospedagem e tudo que isso irá envolver, se não há perspectiva de retorno do esporte neste momento.

Se isso vier a ocorrer - aqui falamos do elenco colorado se transferir para outra região a fim de ampliar sua preparação, a direção já estuda algumas opções de locais - isso se daria em Santa Catarina; estado vizinho ao Rio Grande do Sul, visto que o elenco de deslocaria via terrestre, em pelo menos dois ônibus para evitar aglomerações. Além deste cuidado, a estrutura de treinamentos também deverá merecer atenção especial, com alojamentos e a qualidade do gramado para os treinamentos - isso sem falar que o Inter irá replicar todos os cuidados quanto ao protocolo sanitário criados para as atividades no CT Parque Gigante.

Sobre possíveis jogos, o Colorado, pelo menos por hora ainda não tem intenção alguma de mandar suas partidas fora de Porto Alegre - com um possível início do Brasileirão previsto para ocorrer em agosto. O clube tem a expectativa de que até lá, a situação de saúde no Rio Grande do Sul esteja mais controlada. Algo que todos nós esperamos!