No mesmo molde de Aránguiz, Inter busca reforços sem muita pompa para 2019

Para a próxima temporada a direção colorada – capitaneada por Rodrigo Caetano, irá trazer reforços sem tanta badalação, mais baratos, mas que tenham potencial para dar retorno ao time

Por Minha Torcida
Compartilhe

A direção colorada mandou um aviso aos seus torcedores nesta última quarta-feira – a mesma avisou ao torcedor que não esperem reforços de encher o aeroporto, como ocorreu com Paolo Guerrero.

O Colorado irá usar a estratégia de encorpar o elenco já utilizado por Odair Hellmann, mas com jogadores que possam dar uma resposta rápida e sólida em campo e isso não quer dizer que tenham que ser jogadores de renomes. Algo muito semelhante ao ocorrido há quatro anos atrás, quando na época o Inter trouxe Charles Aránguiz.

Sem muita pompa – apesar dos títulos da Copa Sul-Americana e dos campeonatos nacionais de 2011 e 2012, pela Universidade de Chile, o meia acabou se tornando uma grande contratação. Com boas exibições pelo Inter, acabou se transferindo para o Bayer Leverkusen – da Alemanha, após forçar uma saída. Mesmo pedindo para ir embora, o jogador chileno continua nos sonhos dos colorados, que desejam ver um retorno do meia ao Beira-Rio, porém, os altos valores de uma transferência sua, impedem que ele retorne – pelo menos neste momento.

Marcelo Medeiros - presidente do Sport Clube Internacional.Marcelo Medeiros - presidente do Sport Clube Internacional.

Assim como fez com o chileno em 2014, para a próxima temporada a direção colorada – capitaneada por Rodrigo Caetano, irá trazer reforços sem tanta badalação, mais baratos, mas que tenham potencial para dar retorno ao time, como indica o próprio presidente Marcelo Medeiro:

 “A questão de nomes, é relativa. Assim como já trouxemos jogadores que marcaram a forma de como trabalhamos o futebol e nos deram um bom retorno. Primeiro nome que posso citar é o Aránguiz. Ele não tinha a notoriedade de outros jogadores. Um atleta de Copa do Mundo. Mesmo caso serve para o Cuesta, Edenílson, Patrick, Zeca, Pottker e Moledo. Uma série de atleta que nos deram uma contribuição importante”, destacou o presidente.

Na mira colorada, estão jogadores como Luiz Adriano, que já tem passagem pelo clube e mesmo afirmando durante essa semana que irá permanecer em Moscou, seu nome continua sendo cobiçado pelos lados do Beira-Rio. Além desse, o que mais perto está de chegar a Porto Alegre, é Neílton, que deverá ser envolvido em uma troca com o Vitória, que ficará com o meia Andrigo, além de outros nomes que ainda poderão surgir nas próximas semana.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal