Inter inicia conversas para manter Fabiano, Damião, Rossi e Wellington Silva no Beira-Rio

Com o vínculo de quatro jogadores do atual elenco chegando a seu final, em dezembro, a direção colorada inicia conversas para mantê-los no grupo no próximo ano.

Por
Compartilhe

Com a garantia de estar na Libertadores, em 2019 e com a renovação de seu treinador praticamente encaminhada, a direção colorada começa a definir seu elenco para a próxima temporada.

Com o contrato de quatro jogadores do atual elenco chegando a seu final, em dezembro, a direção colorada inicia com conversas com seus representantes para mantê-los no grupo no próximo ano, são eles: Fabiano, Leandro Damião, Rossi e Wellington Paulista.

Elenco Colorado reunido no vestiário.Elenco Colorado reunido no vestiário.

Fabiano:

Titular da lateral direita em boa parte da temporada, Fabiano entre os quatro é quem tem sua situação de permanência mais difícil de se concretizar, uma vez que o Palmeiras não deseja mais ceder o atleta ao Inter por empréstimo e só aceita liberá-lo em caso de “venda”, com isso, a direção deverá nos próximos dias apresentar uma proposta formal ao clube paulista, uma vez que o jogador deseja permanecer no clube, em 2019.

Leandro Damião:

A direção do Inter se reuniu na última segunda-feira com o representante do atacante – o empresário Vinicius Prates, para assim dar início na permanência de Damião no clube em 2019 e desde então as negociações seguem. Com vínculo junto ao Santos até o final da atual temporada, Leandro Damião a partir de então ficará livre para assinar com qualquer clube, com isso, um novo contrato com o jogador deve ser formalizado, visto que ele estava cedido pelo clube santista ao colorado por empréstimo. O camisa 9 tem grandes chances de permanecer no Beira-Rio para a disputa da Libertadores e Brasileirão, no próximo ano.

Rossi:

O ex-jogador da Chapecoense chegou ao Beira-Rio por empréstimo junto ao Shenzhen FC, da China e o Colorado tem o direito de compra de seu passe ao final do período de empréstimo. Porém, a direção do Inter antes de exercer o poder de compra, tentará ampliar o vínculo do atacante por mais um ano. A permanência em definitivo por hora está descartada.

Wellington Silva:

Em modo de “espera”, as negociações de permanência do camisa 11 serão retomadas após o final do Brasileirão. Tudo por “culpa” da situação do clube que detêm o vínculo do jogador – o Fluminense, que está correndo risco de rebaixamento no Campeonato Brasileiro e por isso ainda não quer negociar. Com isso, as conversas serão retomadas somente na próxima segunda-feira, onde de acordo com o site “globoesporte.com”, o clube gaúcho já tem um acerto verbal com o atleta para 2019. Neste caso, mais uma vez a direção colorada antes de exercer seu poder de compra, tentará manter o mesmo por empréstimo por mais um ano. Com seu alto salário e com as dificuldades financeiras vividas pelo clube carioca, deverão facilitar sua permanência em Porto Alegre. O Inter irá oferecer alguns jogadores que estavam emprestados nesta temporada e que retornam no final do ano, como uma espécie de “moeda” de troca.

Comentários