Marcelo Medeiros irá concorrer a reeleição no Internacional

O atual presidente do clube usou suas redes sociais para fazer o comunicado de sua candidatura a reeleição a presidência nesta quarta-feira.

Por
Compartilhe

O Sport Clube Internacional já tem o seu primeiro candidato a presidência do clube, que irá ocorrer primeiramente entre os conselheiros do clube, no próximo dia 8 de novembro. Trate-se do atual mandante do clube; Marcelo Medeiros. Através de sua conta no Twitter, Medeiros anunciou sua candidatura à reeleição.

Marcelo Medeiros - candidato a reeleição a presidência no Internacional.Marcelo Medeiros - candidato a reeleição a presidência no Internacional.

“É com imensa alegria e responsabilidade, que concorro mais uma vez a presidência do Sport Clube Internacional. Fui indicado para seguir o trabalho e comandar o clube até 2020. Seguiremos juntos nesse caminho que retomou a grandeza do nosso Colorado. Resultado de um trabalho sério e comprometido”, declarou em seu perfil oficial na rede social.

Os candidatos a presidência do Colorado primeiramente passarão por um “primeiro turno” e se nenhuma chapa atingir os 85% exigidos em estatuto, a escolha do novo presidente irá para o segundo turno, onde os sócios é que então decidirão o nome de quem passará a comandar o clube a partir do próximo ano – a eleição em segundo turno está prevista para ocorrer no dia 8 de dezembro. Neste caso somente os sócios inscritos até o dia 31 de dezembro de 2017, com pagamentos efetivados de suas mensalidades até o dia 31 deste mês e maiores de 16 anos até o dia 8 de dezembro de 2018 é que poderão votar na eleição colorada.

Os registros para candidaturas a presidência do Inter se encerram no próximo dia 29 deste mês. Além da escolha do Presidente, também acontecerá na mesma data a renovação de 150 cadeiras no Conselho Deliberativo do clube para o biênio 2019/2020.

De acordo com informações de bastidores, são esperadas ainda mais duas candidaturas a presidência do Colorado – uma delas deverá ser encabeçada pelo ex-vice-presidente Roberto Siegmann.

Comentários