Sarrafiore somente em 2019 no time principal do Inter, diz dirigente

Com o Inter disputando o título do Brasileirão, a comissão técnica terá o máximo de cuidado para não colocar o jovem em uma fogueira, ou seja, queimá-lo em uma partida complicada.

Por
Compartilhe

Indiferente as acusações do Huracán, da Argentina de aliciamento ao jovem talento de apenas 21 anos, o Internacional que poderá ser acionado junto a FIFA pela acusação do ex-clube do meia argentino Martín Sarrafiore, o vê ainda como uma jóia a ser lapidada.

Sem grandes possibilidades de vê-lo estrear pelo clube em 2018, o Colorado trata a progressão do jogador ao time principal com cautela. A sua presença deverá ser constante na equipe somente a partir de 2019, após a pré-temporada.

Acertado desde julho deste ano depois de uma saída conturbada de seu ex-clube na Argentina, o jovem meia vem recebendo suas chances pelo time “B” no Brasileirão de Aspirantes e também na Copa Wianey Carlet.

Roberto Melo - vice de futebol do Inter.Roberto Melo - vice de futebol do Inter.

Em entrevista ao jornalista Rodrigo Oliveira, da “Gaúcha ZH”, Roberto Melo – vice de futebol do Internacional deu algumas explicações sobre a preparação do jogador no clube e a sua utilização no elenco colorado.

“Estamos trabalhando Sarrafiore com toda a calma no processo de adaptação. Não queremos queimar etapas. Desde sua chegada, ele já nos mostrou que tem qualidade – qualidade essa visível. Mas é preciso realizar um trabalho muito bem feito de adaptação ao modelo de jogo do futebol brasileiro e ao modo que o Inter joga. Vale dizer que ele jamais tinha atuado profissionalmente antes de chegar ao Beira-Rio. Não temos pressa. Volto a repetir, estamos indo com muita calma para não queimar etapas.

Sarrafiore ficou desde que chegou ao Sport Clube Internacional, uma vez a disposição do técnico Odair Hellmann, quando ficou no banco de reservas na partida em que o Colorado venceu o Bahia por 1 a 0, em Salvador, no dia 22 de agosto – na ocasião ele não chegou a entrar em campo.

Com o Inter disputando o título do Brasileirão, a comissão técnica terá o máximo de cuidado para não colocar o jovem em uma fogueira, ou seja, queimá-lo em uma partida complicada – se obviamente ele chegar a jogar pelo time principal nesta temporada. Não está totalmente descartada a chance dele entrar em uma ou duas partidas até o final do ano.

Para completar, Melo declarou o seguinte em relação ao jovem meia colorado:

“A sua estreia no time principal nesta temporada não está totalmente descartada, poderá vir a acontecer, mas se isso realmente acontecer, será em uma partida que o time esteja mais tranquilo. Repito, a ideia é de utilizá-lo somente a partir da pré-temporada em 2019”, declarou o vice de futebol do Inter.

Comentários