Mesmo com os últimos acontecimentos desta última quinta-feira, onde Paolo Guerrero foi novamente impedido de atuar após a suspensão por doping, o Colorado se diz tranquilo e não teme que o grupo se abale com a ausência do peruano.

Com uma previsão de mais de 40 mil torcedores para o próximo domingo, onde o Internacional irá receber o Palmeiras, no estádio Beira-Rio, às 16h, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro e onde irá estrear o terceiro uniforme, o Colorado havia forjado um ambiente a beira da perfeição para ver também a estreia de Paolo Guerrero diante de sua torcida, porém, o clube viu toda a sua expectativa de contar com seu principal reforço de 2018 ir por água abaixo com a decisão da Justiça Comum da Suíça.

Entretanto, mesmo causando uma espécie de frustração entre todos os Colorados quanto ao atacante - a direção que já prometeu todo apoio necessário a Guerrero, também diz que o grupo continuará mobilizado em busca dos objetivos dentro do Campeonato Brasileiro, onde ela mesma aposta no "poder coletivo" de seu elenco.

"A força do grupo, que esta numa batida boa de vitórias fora de casa e que vem se preparando, mostra que quem entra no time, entra preparado. Quem entrou deu conta do recado e nos ajudou bastante. Com isso, o Inter mostra a força do seu elenco e seguiremos firmes na batalha pelo campeonato", declarou o meia Patrick.

A confiança dos jogadores no elenco do Inter é refletida na presença da torcida nesta última quinta-feira no saguão do aeroporto Salgado Filho, que recepcionaram os jogadores em sua chegada ao final da tarde - lembrando que o Inter jogou em Salvador nesta última rodada, onde derrotou o Bahia por 1 a 0 na Fonte Nova.

No desembarque, os atletas do Inter escutaram palavras de apoio incondicional dos cerca de 100 torcedores que esperavam a delegação no aeroporto.

Com um excelente momento após as desconfianças nos início do Brasileirão, o Inter já começa a projetar coisas boas ao final da temporada e até mesmo a sonhar com o título do campeonato nacional.

Em 2018, o Colorado sob o comando de Odair Hellmann já conseguiu uma série invicta de 10 jogos, teve também a sua melhor campanha no primeiro turno na história do Brasileirão de pontos corridos, tem a segunda melhor defesa do Brasileirão e o quinto melhor ataque, além disso, é atualmente o segundo melhor mandante e o segundo melhor visitante do Brasileirão.