Huracán promete entrar com ação na FIFA contra o Inter e a FGF por Sarrafiore

Sarrafiore deverá se apresentar ao Internacional nesta segunda-feira aonde será integrado ao elenco principal do clube que partirá rumo a Atibaia – interior de São Paulo, aonde fará uma intertemporada antes da volta do Brasileirão.

Por
Compartilhe

Aguardado para chegar neste domingo a Porto Alegre, Martín Sarrafiore poderá vir a virar tema de polêmica nos próximos dias – pelo menos é isso que promete o Huracán, que não aceita ter perdido uma de suas “jóias” para o Internacional; da forma que perdeu.

Martín Sarrafiore - meio-atacante argentino.Martín Sarrafiore - meio-atacante argentino.

A direção do time argentino acusa a direção colorada de aliciamento e promete levar o caso a FIFA, denunciando o Sport Clube Internacional e a Federação Gaúcha de Futebol. Dirigentes do Huracán alegam que o clube brasileiro aliciou o jogador e que o mesmo teria assinado um pré-contrato antes do prazo legal. O prazo em questão seria a partir do dia 1º de janeiro.

De acordo com fontes não reveladas da argentina e ligadas a direção do Huracán, os mesmos conseguiram juntar documento que comprovariam a acusação contra o Inter, incluindo alguns registros de passagens aéreas de Buenos Aires a Porto Alegre – o que segundo a direção do clube argentino prova a irregularidade.

Para eles, Sarrafiore embarcou para Porto Alegre um dia após o “Natal” e teria firmado o pré-contrato com o Inter entre os dias 26 a 28 de dezembro – mesmo dia que teria retornado a capital argentina e para isso ou para que não levarem o caso a FIFA, exigem do Inter um ressarcimento de US$ 10 milhões pelo meia.

Já a direção do Internacional nega qualquer acusação de ilegalidade no pré-contrato assinado com o jogador argentino de 20 anos, afirmando que o clube respeitou todos os procedimentos legais previstos na forma de regulamentação da FIFA ao assinar o tal acordo com Sarrafiore.

O Inter informa que a assinatura do pré-contrato estabelecido com o meia-argentino foi no dia 9 de janeiro, quando o clube fez o anúncio – inclusive a direção colorada em nota ainda declara que no mesmo dia, antes do jogador assinar o termo, procurou a direção do Huracán para tentar um acordo de transferência imediata do atleta – acordo esse que foi rechaçado pelo presidente do clube argentino – Alejandro Nadur.

Em nota, o vice de futebol do Internacional – Roberto Melo declara o seguinte:

“Não houve qualquer tipo de irregularidade. O contrato foi assinado em janeiro, em Buenos Aires e não em Porto Alegre. Fizemos tudo no prazo correto, inclusive comunicamos ao Huracán e ainda tentamos negociar com eles para que Sarrafiore pudesse se apresentar antes em Porto Alegre, mas não houve acerto com a direção do clube argentino. Acho curioso eles esperarem até os últimos dias de contrato do atleta para tomarem tal atitude”, declarou o dirigente colorado.

No caso, o Huracán não pretende apenas denunciar o Internacional, mas também a FGF – alegando que a Copa Ipiranga Sub-20 é um torneio montado para os clubes brasileiros pegarem os jogadores da base de clubes estrangeiros. Mediante a essa acusação, o clube da Argentina pedirá a FIFA que o torneio seja cancelado a partir de então.

Martín Sarrafiore que deverá se apresentar ao Sport Clube Internacional nesta próxima segunda-feira será integrado ao elenco principal do clube que partirá rumo a Atibaia – interior de São Paulo, onde passará um tempo se preparando para o retorno do Campeonato Brasileiro.

Comentários