Damião volta a marcar e fica a um do centésimo gol com a camisa do Inter

Foi longa a espera, desde o dia 21 de fevereiro Damião não marcava um gol com a camisa do Internacional.

Por
Compartilhe

Depois de 479 minutos sem marcar, Damião volta a colocar a bola no fundo das redes adversária e consequentemente marca seu gol de número 99 com a camisa do Internacional, deixando para trás um ídolo colorado – Christian com 98 gols marcados pelo colorado.

Foi longa a espera, desde o dia 21 de fevereiro Damião não marcava um gol com a camisa do Internacional – o último ou o primeiro da temporada foi diante do Remo, em partida válida pela segunda fase da Copa do Brasil; na ocasião o Inter venceu a partida por 2 a 1.

Damião comemora junto a torcida seu gol de número 99.Damião comemora junto a torcida seu gol de número 99.

Além de marcar o seu segundo gol na temporada – o de número 99, por muito pouco não marcou o gol de número 100 diante do Corinthians; até marcou, só que a arbitragem anulou o mesmo, alegando que o centroavante colorado estava em posição irregular.

Com a ajuda de Damião, o Inter superar o Corinthians neste último domingo pelo Campeonato Brasileiro e chegou a sua segunda vitória consecutiva na competição. Fora a vitória, o gol marcado pelo centroavante colorado depois de três meses de seca, deixou o centroavante a um gol do seu centésimo com a camisa vermelha e branca pelo time gaúcho, porém, o mesmo não poderá ser marcado diante do Vitória, na próxima quarta-feira, uma vez que Damião levou seu terceiro cartão amarelo e terá que cumprir suspensão automática diante do time baiano. Em seu lugar, Odair Hellmann terá várias opções – Nico López, Brenner e Rossi brigam pela vaga aberta.

Mas vamos voltar ao gol. Com o tento marcado diante dos corintianos, acabava aos 18 minutos da etapa complementar uma incômoda sequência de 479 minutos sem balançar as redes adversárias.

Após o final da partida, sobrou até mesmo para o treinador Odair Hellmann comentar sobre a seca de gols de seu jogador – que tem no seu centroavante, confiança total.

“Centroavante dorme pobre e acaba rico. Se não faz gol em um jogo, faz dois no próximo. É uma função diferente. O que cabe a mim? Confiança, somente isso. Esse é o papel do treinador. No momento em que não ocorre a situação de gol, é trabalhar e passar confiança” declarou Hellmann.

 Veja abaixo os 15 maiores artilheiros do Inter:

Jogador

Gols

       Jogador

Gols

1º Carlitos

485

       9º Jair

118

2º Bodinho

233

      10º Adãozinho

112

3º Claudiomiro

202

      11º Alfeu

108

4º Valdomiro

191

      12º Escurinho

106

5º Larry

181

      13º Damião

99

6º Tesourinha

179

      14º Christian

98

7º Villalba

149

      15º D'Alessandro

88

8º Ivo Diogo

123

      16º Canhotinho

86

 

 

Comentários