Ainda debatendo sobre a comissão técnica que comandará a equipe em 2021, tendo inclusive Miguel Ángel Ramírez negado falar com o São Paulo por conta de um acordo verbal para iniciar seu trabalho no Internacional assim que o Brasileirão 2020 finalizar, a direção colorada tenta de todas as formas blindar o ambiente interno do clube e principalmente em cima de Abel Braga, que vem junto com a equipe numa sequência de nove vitórias consecutivas - um recorde na era dos pontos corridos do Campeonato Brasileiro.

Desta forma, todos dentro do Beira-Rio evitam falar no técnico espanhol, que até o final de 2020 era o "ficha 1" para assumir o comando técnico após o término do Brasileirão 2020.

Foco nas últimas rodadas do nacional

Com reais chances de conquistar o tetra do Campeonato Brasileiro - dependendo exclusivamente de si para que isso ocorra, o Colorado diz estar 100% focado na disputa do Brasileirão e não quer falar sobre contratações, renovações ou nova comissão técnica neste momento; embora possua um pré-contrato assinado com o técnico espanhol.

Multa em caso de descumprimento

Caso o Inter decida renovar com Abel Braga ao final da temporada 2020, terá que pagar uma multa de US$ 1 milhão a Miguel Ángel Ramírez pelo descumprimento e quebra do pré-acordo estabelecido ainda no último ano.

Abel Braga sondado por outros clubes

O Inter poderá se valer da valorização de Abel Braga no comando da equipe após o Brasileirão para solucionar o problema. Caso venha a decidir por não permanecer com a atual comissão técnica, essa poderá vê-lo deixar a equipe para outro clube, uma vez que as boas exibições do Inter nas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro renderam a Abel Braga a cobiça de outros times, principalmente vindas do mundo árabe - da qual o comandante técnico no momento congelou toda e qualquer conversa em andamento, garantindo assim, foco na busca pelo título brasileiro.

Como podemos perceber, tanto o Inter, como o próprio Abel Braga, evitam falar neste assunto na reta final do Campeonato Brasileiro - temporada 2020.