A pandemia do novo Coronavírus, certamente, causou uma grande revolução no futebol brasileiro e mundial. A situação financeira de diversos clubes em nosso país já era crítica, e após a paralisação das atividades na metade da temporada fez com que os dirigentes reorganizassem o orçamento das instituições, e no Grêmio, não foi diferente.

De acordo com o presidente do clube, Romildo Bolzan Jr, em entrevista ao Correio do Povo, um dos principais jornais do Rio Grande do Sul, a queda de receitas no segundo trimestre deste ano deve ser histórica: cerca de 70%. Mesmo que o balanço financeiro do clube nos primeiros três meses tenha alegrado a torcida tricolor, onde o clube apresentou R$11,8 milhões de superávit. Confira os dados financeiros do primeiro trimestre do Grêmio:

  • Receita bruta: R$ 92,3 milhões;
  • Venda líquida de atletas: R$ 18,5 milhões;
  • Contrato de televisão: R$ 34,6 milhões;
  • Publicidade/patrocínios: R$ 8,5 milhões;
  • Arrecadação do quadro social: R$ 25 milhões.

Entretanto, o superávit do primeiro trimestre deve ser a única boa notícia do clube no ramo financeiro em 2020. Isso porque, a paralisação dos jogos teve início no fim de março, ou seja, já na parte final do período, e os efeitos reais da pandemia devem aparecer a partir do segundo trimestre. Segundo o próprio mandatário gremista, a meta de arrecadação para o período é R$30 milhões. Para tentar surpreender e manter as contas no azul,o Grêmio conta com um grande trunfo: jogadores valorizados no mercado e observados pelo futebol europeu.

O grande trabalho feito pelo clube em suas categorias de base nos últimos anos pode se tornar essencial para salvar as economias do Grêmio, e fazer o clube se tornar um dos mais ricos do país. Os principais jogadores do time, como o atacante Everton e o meia Matheus Henrique, por exemplo, despertam interesse do futebol europeu, e devem ser negociados na próxima janela de transferências. Confira a situação de cada um:

Everton: mais próximo de ser negociado

De fato, o jogador mais cobiçado do atual elenco do Grêmio é o atacante Everton. Nos últimos meses, diversos clubes do futebol europeu admitiram observar o camisa 11 tricolor, e alguns deles, devem apresentar proposta oficial ao tricolor gaúcho nas próximas semanas. A imprensa italiana noticiou que o Napoli tentou a contratação de Everton, mas as propostas foram consideradas baixas pelo clube gaúcho, as tratativas não evoluiram. O valor mínimo pedido pelo tricolor é 30 milhões de euros.

Everton é o jogador mais valorizado no atual elenco gremista. (Foto:Divulgação/Grêmio FBPA)
Everton é o jogador mais valorizado no atual elenco gremista. (Foto:Divulgação/Grêmio FBPA)

Matheus Henrique: rumores se intensificam

Outra joia gremista que desperta interesse do exterior é o meia Matheus Henrique. De acordo com alguns meios de imprensa do Rio Grande do Sul, o Real Madrid estaria interessado no jogador, e dependendo da situação financeira dos merengues, uma proposta oficial pode chegar na mesa dos dirigentes gremistas. O valor da multa rescisória do atleta é de 80 milhões de euros.

Matheus Henrique virou alvo de rumores sobre ida ao Real Madrid nas últimas semanas. (Foto:Lucas Uebel/Divulgação)
Matheus Henrique virou alvo de rumores sobre ida ao Real Madrid nas últimas semanas. (Foto:Lucas Uebel/Divulgação)