Desde a última segunda-feira, o presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Jr, foi declarado curado do Coronavírus pela secretaria estadual de saúde. O mandatário gremista estava em isolamento social, mas há alguns dias não relatava mais sintomas da doença, e por isso, foi colocado na lista de curados do vírus COVID-19. Após o período de contaminação da doença ter sido ultrapassado, os médicos do órgão do estado entraram em contato com a família para comunicar sobre o final da preocupação gerada pela doença.

Nos últimos dias, Bolzan já vinha retomando a rotina com os demais departamentos do Grêmio. Em seguidas reuniões de videoconferência, principalmente com o diretor-executivo de futebol, Klauss Câmara, nas questões de pagamento de férias coletivas, diminuição de salários e readequação financeira do clube, por conta da paralisação do calendário após a pandemia de Coronavírus.

Romildo Bolzan Jr foi dado como curado do Coronavírus pela secretaria estadual de saúde. (Foto:Divulgação)
Romildo Bolzan Jr foi dado como curado do Coronavírus pela secretaria estadual de saúde. (Foto:Divulgação)

A partir da liberação médica e sem sintomas, Romildo retomará o expediente comum dos bastidores. Porém, ainda de casa, por conta das férias também concedidas aos funcionários nos primeiros 20 dias de abril. Com isso, os contatos e reuniões serão realizados da sua residência em Osório.

O anúncio oficial de que o presidente gremista estava com a doença aconteceu no dia 22 de março, através de comunicado oficial no site do clube gaúcho. Juntamente com Romildo, outros três dirigentes do clube, como os vice-presidentes Marco Bobsin e Cláudio Oderich, e o coordenador das categorias de base, Eduardo Fernandes.