No início desta temporada, o Grêmio foi ao mercado em busca de reforços para quase todas as posições. Após o decepcionante ano de 2019, o tricolor gaúcho não precisou investir muito, mas apostou em jogadores que tiveram destaque na temporada passada, ou que possuíam bom histórico e que tinham um bom valor de mercado na época.

Ao todo, foram 7 reforços contratados, sendo 5 contratados em definitivo, e dois por empréstimo (Caio Henrique e Orejuela). Nas contratações em definitivo, o Grêmio gastou cerca de 5 milhões de reais, entre pagamentos de transferências, luvas e comissões. Nas vendas, o clube gerou cerca de R$46 milhões. Sendo assim, fizemos uma análise sobre o rendimento de cada reforço contratado neste início de 2020 pelo Grêmio. Confira:

Victor Ferraz (Lateral-direito):

Primeiro reforço anunciado pelo clube, vem se mostrando uma excelente aposta do clube. O jogador simplesmente resolveu um dos principais problemas do time de Renato Portaluppi, e que foi extremamente criticada em 2019: a lateral-direita. Desde que chegou ao clube, marcou um gol e é o titular absoluto da posição.

(Foto:Divulgação/Lucas Uebel)
(Foto:Divulgação/Lucas Uebel)

Orejuela (Lateral-direito):

Cercado de expectativas, o jogador colombiano de 24 anos ainda não conseguiu mostrar seu melhor futebol. Contratado por empréstimo até o fim da temporada, o atleta teve algumas oportunidades, mas não correspondeu. As boas atuações de seu concorrente (Victor Feraz) ajudam para que Orejuela figure no banco de reservas neste momento.

(Foto:Gaúcha ZH)
(Foto:Gaúcha ZH)

Lucas Silva (Volante):

Contratado sem custos, o jogador vem mostrando que o seu melhor futebol está voltando. Grandes atuações, excelente distribuição de jogo e alta eficiência na marcação vem fazendo ser uma peça importante na equipe gremista neste momento. Parte da torcida entende que Lucas deve ser titular ao lado de Matheus Henrique no meio-campo.

(Foto:CONMEBOL)
(Foto:CONMEBOL)

Caio Henrique (Lateral-esquerdo):

Contratação mais "badalada" da temporada pelo Grêmio, o lateral-esquerdo já se tornou titular, mas ainda oscila em suas atuações. Em alguns momentos, se mostra muito entrosado com o estilo de jogo da equipe, mas em outros, peca no posicionamento, principalmente defensivo. Contratado por empréstimo até o fim da temporada, pode ser importante ao Grêmio em 2020.

(Foto:CONMEBOL)
(Foto:CONMEBOL)

Thiago Neves (Meio-campo):

Após um 2019 deprimente, o jogador recebeu um "voto de confiança" e foi contratado, a pedido do técnico Renato Portaluppi. Entretanto, ainda não mostrou todo o futebol esperado pelo clube e pelo torcedor. Entretanto, está se adaptando aos poucos, e atualmente, será reserva de Jean Pyerre.

(Foto:Divulgação)
(Foto:Divulgação)

Diego Souza ( Atacante):

Contratado e aprovado por sua idolatria no clube, Diego Souza vem, fazendo um grande início de temporada. São cinco gols em oito jogos, além da titularidade e o respaldo da torcida e da comissão técnica. Além dos números, a qualidade técnica é indiscutível, e o credencia a ser uma das "soluções".

(Foto:Divulgação)
(Foto:Divulgação)

Vanderlei (goleiro):

Considerado por muitos como uma aposta de alto risco, o goleiro vem se mostrando ser muito seguro e com boas atuações individuais, apesar dos 35 anos de idade. Posição que foi um grave problema em 2019, nesta temporada, o salto de qualidade e confiança é evidente.

(Foto:Divulgação)
(Foto:Divulgação)