Romildo Bolzan Jr, presidente do Grêmio, testou positivo para Coronavírus. O resultado do teste foi divulgado oficialmente pelo clube na noite do último domingo, através do site oficial da instituição. Romildo é o quarto dirigente gremista que foi diagnosticado com COVID-19 desde a última sexta-feira.

Em sua nota, o Grêmio divulgou que, atualmente, o presidente encontra-se em bom estado de saúde e em isolamento social há oito dias. Com 60 anos de idade, Romildo Bolzan é o quarto dirigente gremista infectado pela doença nos últimos três dias. Na última sexta-feira, o assessor adjunto das categorias de base, Eduardo Fernandes, e o vice-presidente Cláudio Oderich, testaram positivo para a doença. No sábado, foi a vez de Marco Bobsin, também vice-presidente, ter a doença confirmada.

A principal suspeita é de que o contágio tenha havido no jantar que aconteceu um dia antes do último clássico Gre-Nal, válido pela fase de grupos da Copa Libertadores da América. Marcelo Medeiros, presidente do Internacional, teve a COVID-19 confirmada na semana passada.

Romildo Bolzan Jr teve confirmado diagnóstico de Coronavírus. (Foto:Divulgação)
Romildo Bolzan Jr teve confirmado diagnóstico de Coronavírus. (Foto:Divulgação)

Jogadores, membros das comissões técnicas e funcionários do clube realizaram exames clínicos e foram vacinados no CT Luiz Carvalho, em Porto Alegre, na última sexta-feira. O Grêmio tem reapresentação marcada para esta terça-feira, após uma semana de atividades paralisadas.

O Campeonato Gaúcho está suspenso até o dia 30 de março. A Libertadores teve sua paralisação confirmada até o dia 5 de abril. Já o Brasileirão sequer tem data para começar.