Ele está de volta!! Após treze anos, Diego Souza retorna oficialmente ao Grêmio e é mais um reforço confirmado para o time comandado pelo técnico Renato Portaluppi. Após ter o seu vínculo com o Botafogo encerrado e o fim de seu contrato com o São Paulo, o atacante de 34 anos assinou contrato com o Grêmio por uma temporada.

O jogador desembarca em Porto Alegre ainda nesta terça-feira e irá ao CT Luiz Carvalho para assinar contrato e realizar exames médicos. Diego Souza será jogador do Grêmio com um contrato de uma temporada, com moldes parecidos ao contrato que foi oferecido ao meia Thiago Neves, com cláusulas de produtividade que podem aumentar os vencimentos mensais. De acordo com informações da imprensa gaúcha, o jogador terá salário fixo em torno de R$200 mil mensais.

O novo reforço assina por uma temporada também com valores abaixo dos ganhos durante a carreira. Diego Souza chega sob elogios do técnico Renato Gaúcho e desconfiança da torcida, que questiona a busca por um jogador que completa 35 anos em 2020. Depois da vitória sobre o Brasil de Pelotas, o treinador apontou que o Grêmio buscou outras alternativas no mercado, mas não encontrou.

Para as posições centrais do ataque, o Grêmio agora conta com Luciano e Diego Souza. Everton também pode ser deslocado e atuar como centroavante. Na meia, Jean Pyerre, Thiago Neves e Patrick são os nomes.

Diego Souza é o 7ª reforço anunciado pelo Grêmio nesta janela de transferências. Antes disso, o clube já havia confirmado as contratações do goleiro Vanderlei, dos laterais Victor Ferraz, Orejuela e Caio Henrique, e dos meias Thiago Neves e Lucas Silva.