Mesmo tratando o assunto com muita "cautela", o Grêmio que busca reforços pontuais para a equipe de Renato Portaluppi em 2020, vai diariamente monitorando a situação de Carlos Sánchez - no Santos.

O interesse no uruguaio de 35 anos é tratado com muito cuidado pela direção "Tricolor" em virtude da boa relação com o "Peixe"; lembrando que recentemente os dois clubes negociaram uma troca envolvendo os laterais Victor Ferraz e Madson.

O meia-uruguaio tem uma pendência financeira com o clube santista e caso não seja resolvido nas próximas semanas, poderá pedir para deixar a "Vila Belmiro" e com isso o Grêmio poderá ser beneficiado, uma vez que irá apresentar uma proposta para o atleta.

Segundo os últimos relatos do presidente Romildo Bolzan - do Grêmio, em entrevista concedida ao site "globoesporte.com", disse ele que "dificilmente o Tricolor Gaúcho dificilmente irá apresentar novos reforços ainda este ano"; já em relação a Sánchez, trata a sua chegada a Arena como "pouco provável".

Além disso, o mandatário gremista disse que a direção está mantendo contado com uma série de nomes pretendidos para 2020, no entanto, muitos desses serão mantidos em sigilo até a sua conclusão.

O Grêmio se apresenta para a temporada 2020 no início de janeiro, mais precisamente no dia 08 do próximo mês - a pré-temporada será realizada em Porto Alegre mesmo.