Em entrevista, Renato Gaúcho cobra investimento para permanecer no Grêmio em 2020

Após a derrota de 1x0 para o Flamengo, o técnico gremista afirmou que para permanecer no clube, o planejamento precisa mudar.

Por Talis Andrey de Mello
Compartilhe

Após a derrota de 1x0 para o Flamengo, o técnico do Grêmio, Renato Portaluppi concedeu uma forte e marcante entrevista coletiva. Além de explicar suas decisões e a atuação do Grêmio, o técnico falou sobre seu futuro no time gaúcho e sobre o começo do planejamento para a próxima temporada.

De acordo com o treinador gremista, ainda que o clube não tenha o poder de investimento dos "ricos" do futebol brasileiro, como Flamengo e Palmeiras, será necessário para a diretoria do clube gaúcho trazer novas peças para agregar qualidade ao elenco na próxima temporada. Segundo o técnico, se isso não acontecer, o treinador inclusive deixou seu futuro em aberto no Grêmio:

"A gente nao vai abrir o cinto demais, como Flamengo, Palmeiras. O que posso garantir é que, se eu ficar, é que o cinto não vai se fechar. Se o cinto fechar, pode contratar outro treinador", afirmou.

"Não vou ficar brigando para ficar sempre lá atrás nas competições. Nasci para vencer e sempre vou fazer meu grupo vencedor. Mas para isso preciso ter minhas peças também", completou.

Renato Portaluppi concedeu entrevista coletiva após a derrota de 1x0 para o Flamengo. (Foto:Divulgação)
Renato Portaluppi concedeu entrevista coletiva após a derrota de 1x0 para o Flamengo. (Foto:Divulgação)

Outro ponto da entrevista coletiva foi a afirmação do técnico que o Flamengo está em um nível acima dos demais clubes do futebol brasileiro:

"Hoje o Flamengo tem sim o melhor futebol do Brasil. Não agora, isso vem há horas. O Grêmio vinha jogando muito bem. Mas tem que colocar na balança o plantel do Flamengo e o plantel do Grêmio. Gosto de ver o Flamengo jogar, gosto de ver meu time jogar. O Flamengo, até pelo investimento, é sim, é o melhor time do Brasil sim. Ninguém tira o título brasileiro deles." afirmou o treinador gremista.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal