Mais um grande clube do futebol mundial entrou na lista de interessados em tirar o atacante Éverton do Grêmio. Segundo o jornal alemão TZ, o Bayern de Munique incluiu o jogador brasileiro na lista de possíveis transferências nesta temporada. Ele seria considerado como o substituto ideal de Ribéry caso as tratativas com Sané e o Manchester City não tenham sucesso.

Conforme a publicação, desde que o atacante gremista assumiu a titularidade da seleção brasileira no lugar de Neymar seu nome passou a circula no clube alemão. A alta multa rescisória, algo em torno de 80 milhões de euros, pode ser fator determinante para afastar o assédio do Bayern ao jogador de 23 anos. Entretanto, o tricolor gaúcho sabe que em caso de uma proposta que seja de cerca de 50 milhões de euros, seja suficiente para a negociação se concretizar.            

 

A polivalência de Everton é um dos motivos para atrair tamanha atenção. Segundo o jornal, ele pode ser uma alternativa a Serge Gnabry e Kingsley Coman nas extremas esquerda e direita, bem como poderia atuar como um centroavante fixo em uma emergencial substituição de Robert Lewandowski.

O Grêmio nega qualquer proposta e já afirmou que aceita abrir negócio a partir de 40 milhões de euros). Cebolinha, por sua vez, afirmou em entrevista recente que pediu para não ser informado sobre nenhuma proposta durante a Copa América, pois pretende se concentrar na conquista do título pela Seleção. Seu empresário, Gilmar Veloz, garantiu que, até o momento, houve apenas sondagens, e que a decisão de vendê-lo é da direção gremista.