Minha Torcida Logo

Com possibilidade de perder Kannemann, Grêmio busca opções no mercado

Zagueiro argentino está sendo muito cobiçado pelo futebol do exterior, e o Grêmio já procura opções no mercado, visando uma possível reposição. Kannemann tem contrato com o tricolor até 2022.

Por
Compartilhe

Com o assédio do futebol europeu sobre o zagueiro argentino Kannemann, o Grêmio começa a se prevenir para uma possível perda.  Dentro do tricolor, fala-se de que, será praticamente impossível conseguir manter o jogador nesta janela de transferências do meio do ano.

Circulou na mídia inglesa que o Arsenal seria o mais novo interessado no futebol do zagueiro argentino. Segundo o jornal Daily Mail, os Gunners estão dispostos a pagar a multa rescisória do atleta, que gora em torno de 88 milhões de reais. Outros clubes do futebol europeu já demonstraram interesse em Kannemann, como por exemplo, o Cagliari, da Itália, que ofereceu cerca de 18 milhões de reais na temporada passada.

Kannemann está sendo muito cobiçado pelo futebol do exterior. (Foto: HTC)Kannemann está sendo muito cobiçado pelo futebol do exterior. (Foto: HTC)

A cúpula gremista entende que, se caso isso realmente acontecer, a saída é ir ao mercado e procurar uma reposição à altura, e entende que terá que gastar uma quantia significativa para conseguir isto. Alguns nomes conhecidos já foram especulados, o mais surpreendente foi Dante, que hoje defende a camisa do Nice, da França. Além dele, outro jogador bem menos badalado está no radar do Grêmio. Trata-se de Adryelson, jovem talento do Sport, que já está negociando com o clube há bastante tempo.

Dinheiro em caixa e necessidade não irão faltar para os dirigentes gremistas, que podem estar prestes a perder um de seus expoentes técnicos. Kanneman é um dos pilares da equipe de Renato Portaluppi, e uma saída poderia se tornar uma perda irreparável. Resta aos mandatários tricolores, encontrarem um outro jogador de tal nível, e isso será muito difícil. 

Mais sobre: gremio arsenal kannemann
Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Siga nossas redes sociais