Grêmio acredita na permanência de Everton no início da temporada 2019

O atacante gremista possui algumas sondagens de times da Inglaterra e Itália, mas nada de concreto, segundo a direção do Tricolor.

Por
Compartilhe

Um dos melhores jogadores do Grêmio na temporada, não sabe ainda se irá vestir a camisa gremista no início do próximo ano, uma vez que existe muito assédio por parte de clubes europeus em seu futebol.

Falo aqui do atacante Everton, que foi um dos grandes destaques do time comandado por Renato Portaluppi no ano de 2018. Após o confronto diante do Corinthians, na última rodada do Brasileirão, o jogador na “zona mista” da Arena foi questionado sobre sua permanência no clube para 2019, ao qual desconversou.

Atacante gremista possui apenas sondagens - garante vice de futebol do Grêmio.Atacante gremista possui apenas sondagens - garante vice de futebol do Grêmio.

Com sondagens do Manchester United e City e de alguns clubes da Itália, segundo a imprensa estrangeira, “Cebolinha”, como é conhecido nos corredores da Arena, não escondeu o assédio dos clubes de fora do país, porém declarou que agora irá pensar somente em suas férias.

“Sabemos que existem alguns clubes interessados. Procuro manter a cabeça aqui, apesar de ser difícil, quando está se fazendo um bom trabalho. As equipes acabam te procurando. Ficamos ouvindo rumores e isso cria uma certa ansiedade. Mas irei agora descansar bem nas férias e ver o que irá rolar”, declarou o atacante após a vitória sobre o Corinthians, pelo placar de 1 a 0, em Porto Alegre.

Na mesma linha, os dirigentes gremistas não esconderam tais sondagens dos clubes do “Velho Continente”, onde de acordo com o vice de futebol gremista – Duda Kroeff, declarou que não existem propostas, mas sim apenas sondagens e acredita que o jogador permaneça no Tricolor Gaúcho – pelo menos até a metade de 2019.

“Existem sondagens, nada oficial, apenas sondagens. Que bom que o Grêmio precisa se preocupar com isso. É complicado, mas o chato é não ter quem desperte o interesse dos europeus. Esta não será a janela forte. A que realmente teremos que nos preocupar, é a de julho. O Everton já não é mais segredo, mas não há nada de real até aqui. Já aprendemos a lidar com esse tipo de situação”, declarou o dirigente.

Com o final da temporada, o elenco gremista entrou em férias na última segunda-feira, voltando a se apresentar somente no início do próximo ano, até lá muitas especulações irão surgir ainda.

Comentários