Renato depende do departamento médico para escalar o Grêmio contra o Palmeiras

Além da preocupação para o confronto pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro, Cortez, Grohe e Everton também passam a ser preocupação para o primeiro confronto das semifinais da Libertadores.

Por
Compartilhe

As chances de o Grêmio encarar o Palmeiras no próximo domingo com time reserva é muito grande, ainda mais depois da informação do “departamento médico” que indicou mais três ausências no time comandado por Renato Portaluppi. Já com os desfalques de Everton, Kannemann e Marcelo Grohe, o Tricolor Gaúcho poderá não ter contra o Palmeiras no Pacaembu, às 16h, deste próximo domingo pelo Brasileirão, a presença de Léo Moura, Cortez e Ramiro.

Com desconforto muscular, Léo Moura ainda poderá a vir treinar durante essa semana, porém, as chances de estar à disposição de Renato no final de semana são poucas. Ramiro por sua vez com uma lesão no ligamento colateral do joelho direito, tem pequenas chances de estar em campo diante do Palmeiras, mas vale lembrar que até esta última terça-feira ele não havia realizado nenhum trabalho com bola, assim sendo, Marinho e Pepê deverão ser testados em sua função durante os treinos do time até horas antes do duelo do próximo domingo.

Renato ganhou mais três problemas para o final de semana.Renato ganhou mais três problemas para o final de semana.

Ainda sem poder contar também com Cortez, o time provável do Grêmio para encarar o Palmeiras no próximo domingo deverá ter a seguinte escalação: Paulo Víctor; Leonardo, Pedro Geromel, Bressan e Juninho Capixaba; Maicon, Cícero, Alisson, Luan e Pepê; Marinho.

Além da preocupação para o confronto pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro, Cortez, Grohe e Everton também passam a ser preocupação para o primeiro confronto das semifinais da Libertadores, diante do River Plate, no próximo dias 23 de outubro, uma vez que o departamento médico gremista adota cautela com a recuperação do trio e não considera colocá-los em sacrifício na partida na Argentina, uma vez que o Tricolor decidirá sua vida na Libertadores dentro da Arena, no jogo da volta pela competição sul-americana.

Comentários