Morre aos 86 anos, Fábio Koff - o "eterno" presidente do Grêmio

A morte do ex-presidente do Grêmio e do Clube dos 13 foi oficializada pela assessoria de imprensa do clube.

Por
Compartilhe

A direção do Grêmio oficializou há poucas horas atrás, a morte do ex-presidente do clube, Fábio André Koff, com 86 anos. O ex-dirigente gremista estava internado no hospital Moinhos de Vento, em Porto Alegre há algum tempo com um quadro de infecção generalizada.

Fábio Koff - ex-presidente do Grêmio, falecido nesta quinta-feira.Fábio Koff - ex-presidente do Grêmio, falecido nesta quinta-feira.

Em nota, o clube expressa seu pesar a um símbolo da história gremista.

“O Grêmio expressa toda consternação pela perca de um símbolo de sua história, responsável pela maior glória já alcançada dentro de campo e se solidariza-se com sua família, amigos e com a torcida tricolor”.

Nascido em Bento Gonçalves no ano de 1931, Fábio André Koff se formou em direito e foi Juiz e Desembargador – no futebol, Koff foi um dos maiores nomes a já terem assumido o comando do Grêmio em três ocasiões: o primeiro mandato foi entre os anos de 1982 a 1983 – na qual conquistou o maior título do clube, o de Campeão Intercontinental ao derrotar o Hamburgo, da Alemanha, em Tóquio, no Japão. Depois dessa sua primeira passagem Fábio Koff assumiu o Tricolor por mais duas vezes: em 1993/1997 e 2013/2014.

Longe do Grêmio, Koff ficou também conhecido como o presidente do Clube dos 13 – que nada mais era que a união dos maiores clubes do Brasil – nesta, Koff ajudou a desenvolver e profissionalizar o futebol brasileiro com a busca de patrocínios conjuntos e na negociação coletiva dos direitos de TV. O Clube dos 13 começou a perder força desde 2011, quando o Corinthians deixou a entidade, sendo seguido por muitos posteriormente.

Com sua partida, Fábio André Koff deixa sua esposa – Dona Ivone, os filhos – Fábio Koff Júnior e Alexandre Koff; além deste, quatro netas.

O Hospital Moinhos de Vento divulgou uma nota:

 Hospital Moinhos de Vento

Boletim médico – Fábio André Koff

 Comunicamos o falecimento do paciente Fábio André Koff, ocorrido às 7h20 desta quinta-feira (10) no Hospital Moinhos de Vento. Ele estava hospitalizado desde 3 de maio, quando deu entrada por quadro de mal estar, piora do estado geral e febre. Inicialmente, foi constatada anemia severa, e exames adicionais evidenciaram infecção hepática.

 Após resposta clínica apenas parcial aos antibióticos e demais medidas instituídas, o paciente foi transferido ao Centro de Tratamento Intensivo (CTI) na última segunda-feira (7). Em um quadro clínico de septicemia, insuficiência respiratória e disfunção de múltiplos órgãos, os cuidados intensivos foram mantidos durante todo o período, mas o paciente veio a óbito nesta manhã.

Comentários