Mesmo tendo ainda a final da Copa do Brasil para ser disputada - no primeiro duelo contra o Palmeiras, o Verdão venceu por 1x0, na Arena - o Grêmio já trabalha nos bastidores para planejar a próxima temporada.

O principal mistério relacionado ao clube gaúcho está perto de ser solucionado. Ao longo do último mês, a principal pauta envolvendo o Grêmio estava centrada na incógnita em relação ao futuro do técnico Renato Portaluppi. Conforme apurado, por mais que o contrato de renovação ainda não esteja assinado, o ídolo gremista ficará no clube na temporada de 2021. A tendência de momento é que o anúncio oficial ocorra apenas após a partida decisiva pela final da Copa do Brasil.

Clube prepara mudanças profundas

Mesmo com a permanência do técnico Renato Portaluppi, a direção gremista pretende promover duras alterações internas no clube. Os âmbitos não se limitam apenas à mudanças no elenco de jogadores. Além de saída e chegada de atletas, a preparação física, área bastante criticada pelos torcedores ao longo da última temporada, também sofrerá alteração. Márcio Meira, atual preparador físico, não permanecerá no clube.

Departamento de futebol e base estão em pauta interna

Na direção, a ideia é contratar um diretor executivo de renome, para que as análises e avaliações não se limitem apenas ao técnico Renato Portaluppi. Além disso, a categoria de base também terá alteração, em questão de utilização. O Grêmio pretende, em conjunto com seu atual treinador, aproveitar mais cedo os jovens jogadores da base.

Com isso, jogadore como Vanderson, Ruan, Guilherme Guedes, Fernando Henrique, Pedro Lucas, Ricardinho, Rildo e dentre outros, devem ganhar maior minutagem no profissional.