Morre Bebeto de Freitas, dirigente do Atlético-MG

Bebeto de Freitas sofreu uma parada cardíaca, foi socorrido, mas faleceu no CT do Galo nesta terça-feira.

Por
Compartilhe

O diretor de administração e controle do Atlético-MG, Paulo Roberto Freitas, conhecido como Bebeto de Freitas, foi vítima de uma parada cardíaca nesta terça-feira (13) e acabou falecendo. Aos 68 anos, Bebeto era conhecido no meio esportivo tanto no futebol como no vôlei, onde foi jogador e treinador nos anos 80, inclusive com passagem de destaque pela seleção brasileira.

Bebeto passou mal durante o lançamento oficial do time de futebol americano do Atlético-MG, recebeu atendimento médico no CT do galo, mas não resistiu. Um helicóptero e duas ambulâncias ainda foram acionadas pelo clube para fazer o atendimento ao dirigente.

Bebeto de Freitas era torcedor do BotafogoBebeto de Freitas era torcedor do Botafogo

Ainda como gestor desportivo, foi presidente do Botafogo entre 2003 e 2008, onde iniciou um processo de reestruturação do clube. Sua direção teve como marco importante a volta do time à primeira divisão do Campeonato Brasileiro. Reeleito até 2008, conquistou os títulos de futebol profissional da Taça Guanabara e do Campeonato Carioca de 2006 e da Taça Rio, de 2007 e 2008.

No Atlético-MG, foi Campeão Mineiro e Vice-Campeão brasileiro em 1999 e chegou ao 4º lugar no Brasileiro de 2001.

Comentários