Atenção! Novas exigências para as equipes de Fórmula 1 em 2020. Com dez equipes no grid de largada, a F1 que deverá iniciar a temporada deste ano em julho, terá que cumprir uma nova determinação da entidade máxima do automobilismo, que exigem apenas 80 funcionários por escuderia nos grandes prêmios que não puderem receber público.

A intenção dos organizadores, é o de reduzir a possibilidade de transmissão ou contágio de Coronavírus por parte dos envolvidos com os GPs. O número de 80 pessoas por categoria é bem inferior ao de pessoas por equipe em dias de normalidade, ou seja, em dias normais de grandes prêmios sem o Coronavírus.

Equipes durante uma troca de pneus em meio a um grande prêmio - imagem: internet
Equipes durante uma troca de pneus em meio a um grande prêmio - imagem: site da Fórmula 1

Esse número foi chegado após um minucioso estudo realizado pelo presidente da Comissão Médica da Federação Internacional de Automobilismo - FIA, o francês Gerard Saillant. Vale ressaltar que destes 80, 60 apenas poderão estar envolvidos diretamente em operações nos dois carros - número esse já utilizado nos eventos normais da categoria em dia de corrida.

A temporada da Fórmula 1 2020 deverá iniciar no dia 05 de julho, na Áustria - que deverá receber dois grandes prêmios em sequência. A F1 em 2020 deverá ter entre 15 a 18 grandes prêmios espalhados pelas Américas, Ásia, Europa e Oriente Médio, com o campeonato vindo a finalizar no final do ano, ou seja, em dezembro e não mais em novembro como estava programado antes da pandemia do novo Coronavírus.