Silverstone, na Inglaterra terá dois GPs na temporada 2020 da Fórmula 1, segundo informações de Stuart Pringle - diretor do circuito acima citado, em entrevista a emissora "BBC".

O mesmo declarou que chegaram a um acordo com a F1 para a disputa de dois grandes prêmios, que farão parte do programa revisado da categoria para a temporada 2020. Pringle ressaltou que as etapas "estão sujeitas a aprovação do governo local" em razão as novas restrições adotadas pelo governo britânico com a contenção do avanço do novo Coronavírus.

Se tudo transcorrer conforme o planejado pelos organizadores da Fórmula 1, a atual temporada terá duas corridas em Silverstone, assim como também em alguns outros circuitos, lembrando sempre que esses muito provavelmente serão com portões fechados ao público.

Imagem aerea do circuito de Silverstone, na Inglaterra
Imagem aerea do circuito de Silverstone, na Inglaterra

Os GPs da Inglaterra segundo o calendário da F1 para a temporada, deverão ocorrer entre os dias 26 de julho e 2 de agosto. Confira o que disse o diretor do circuito de Silverstone em entrevista a "BBC":

"Estou muito satisfeito por confirmar que Silverstone e a Fórmula 1 chegaram a um princípio de acordo para sediar duas etapas com portões fechados neste verão. No entanto, essas corridas vão estar sujeitas a aprovação do governo, pois nossa prioridade é a segurança de todos os envolvidos e a estrita conformidade com as restrições sobre o COVID-19. Gostaria de agradecer a todos os nossos fãs, que foram tão solidários ao longo de tudo isso e garantir que estamos determinados a fazer o possível para ajudar a F1 a promover um espetáculo neste verão".

Vale lembrar que das dez equipes da F1, sete possuem sede na Inglaterra: Haas, Mercedes, McLaren, Racing Point, RedBull, Renault e Willians.