Todo amante da Fórmula 1 desejaria uma dia em sua vida poder entrar em um desses carros e disputar um grande prêmio, agora imagina você correr uma temporada inteira e ainda de quebra levar o título no ano.

Aqui iremos trazer para você amigo leitor, os 10 maiores campeões da categoria, que é realizada pela Federação Internacional de Automobilismo - FIA. A Fórmula 1 ao todo já conta desde sua primeira temporada, com 33 campeões mundiais diferentes, desde 1950, onde o italiano Nino Farina que pilotava a Alfa Romeu, conquistou o primeiro título oficial da categoria.

O atual vencedor é o inglês Lewis Hamilton, que em 2019 conquistou o seu sexto título mundial da Fórmula 1; porém, ninguém até agora conseguiu superar o heptacampeão Michael Schumacher.

Senna, Hamilton e Schumcher.
Senna, Hamilton e Schumcher.

Quem são os 10 maiores campeões da Fórmula 1

Abaixo teremos os maiores campeões da história da categoria até os dias de hoje.

10º- Jack Brabham - 3 títulos e 1 vice

Jack Brabham
Jack Brabham

Jack Brabham disputou a Fórmula 1 entre os anos de 1955 a 1970, principalmente nas equipes Cooper Car Company e Brabham Racing. O piloto de origem australiana que veio a falecer em 2014, aos 88 anos, conquistou os seus títulos da categoria nos anos de 1959, 1960 e em 1966 - ano esse que conseguiu até aqui, algo inédito, ser campeão da Fórmula 1 pilotando um carro de sua própria equipe.

9º - Niki Lauda - 3 títulos, 1 vice e 2 quartos

Niki Lauda - tricampeão da Fórmula 1.
Niki Lauda

Lauda que veio a falecer em 2019, participou da Fórmula 1 entre os anos de 1971 a 1979, voltando a categoria entre os anos de 1982 a 1985, correndo em especial pelas seguintes equipes: McLaren e Ferrari. Seu tricampeonato foi conquistado nos anos de 1975, 1977 e 1984. No ano de 1976, só não foi campeão da F1 por causa de um grave acidente que quase tirou a sua vida, vindo ainda a sofre uma séria queimadura em seu rosto, no entanto, esse acidente não o tirou da temporada, voltando pouco tempo depois, onde quase conquistou a temporada na última corrida daquele ano.

8º - Nelson Piquet - 3 títulos, 1 vice e 2 terceiros

Nelson Piquet
Nelson Piquet

Piquet não foi o primeiro piloto brasileiro a conquistar o título da Fórmula 1 - Emerson Fittipaldi foi o primeiro, no entanto, ele foi o primeiro a conquistar três títulos para o Brasil, nos anos de 1981, 1983 e 1987, pilotando a Parmalat Racing Team, Fila Sport e Willians respectivamente. Nelson Piquet ficou na categoria de 1978 até 1991.

7º - Jackie Stewart - 3 títulos, 2 vices e 1 terceiro

Jackie Stwart
Jackie Stewart

O piloto escocês conquistou três títulos da categoria com piloto, entre os anos de 1965 a 1973. O seu primeiro título veio em 1969, pilotando a Matra International e em 1971 e 1973, com a Elf Team Tyrrell. Neste último título, Stewart que havia conquistado o troféu de campeão mundial, viu seu companheiro de equipe perder a vida em um terrível acidente e por esse motivo, decidiu abandonar a carreira de piloto, vindo anos mais tarde a ser chefe de sua própria equipe - equipe essa que teve Rubens Barrichello como piloto no começo dos anos 2000.

6º - Ayrton Senna - 3 títulos, 2 vices e 1 terceiro

Ayrton Senna
Ayrton Senna

Senna que acabaria se tornando no maior ídolo da Fórmula 1 entre os brasileiros e por boa parte dos amantes do esporte, iniciou sua trajetória na categoria no ano de 1984 pilotando uma Toleman e no ano seguinte após um bom primeiro ano, acabou se transferindo para a Lotus, no entanto, foi pela McLaren que acabou conquistando seus três títulos mundiais. Em 1994 pilotando a Williams, Senna se despediu da categoria de forma trágica, em um acidente que o vitimou na terceira corrida da temporada, aos 34 anos de idade.

5º - Sebastian Vettel - 4 títulos, 3 vices e 1 terceiro

Sebastina Vettel
Sebastian Vettel

O piloto alemão que prometia ser o sucessor de Michael Schumacher conseguiu até aqui conquistar quatro títulos da categoria em sequência - lembrando que ele segue na mesma pilotando atualmente uma Ferrari; em 2010, 2011, 2012 e 2013. Desde 2006 na Fórmula 1, Vettel iniciou sua trajetória pilotando a Sauber, onde posteriormente acabou indo para a Toro Rosso e finalmente chegando a RedBull Racing, por onde conquistou todos os títulos acima citados. Ele que é o atual vice-campeão, foi o piloto mais jovem a conquistar um título da F1.

4º - Alain Prost - 4 títulos, 4 vices e 2 quarto

Alain Prost
Alain Prost

O maior piloto francês da Fórmula 1 de todos os tempos, conquistou a categoria principal do automobilismo nos anos de 1985, 1986, 1989 e 1993 - sendo os três primeiros pela McLaren e o último pilotando uma Williams. O seu início na F1 se deu em 1980, com a McLaren, tendo ainda passagem pela Renault e Ferrari, vindo a se despedir da categoria em 1993 quando conquistou seu último título.

3º Juan Manuel Fangio - 5 títulos e 2 vices

Fangio
Fangio

O argentino Fangio foi o primeiro pentacampeão do mundo, conquistando os títulos da Fórmula 1 de 1951, 1954, 1955, 1956 e 1957. Tendo seu início em 1950 na categoria, ele abandou a mesma em 1958, pilotando uma Ferrari. Antes disso, já havia passado pela SA Alfa Romeo, Maseratti e Daimler-Benz. Fangio faleceu em 1995, aos 84 anos de idade.

2º - Lewis Hamilton - 6 títulos, 2 vices e 3 quarto

Lewis Hamilton
Lewis Hamilton

Atual campeão da categoria, o piloto inglês iniciou sua trajetória pela categoria principal do automobilismo mundial em 2007, onde neste primeiro ano acabou com o vice-campeonato, com a McLaren. No ano seguinte, conquistou seu primeiro título da Fórmula 1, vindo a conquistar mais cinco troféus - agora pilotando a Mercedes; em 2014, 2015, 2017, 2018 e 2019.

1º - Michael Schumacher - 7 títulos, 2 vices e 3 terceiros

Michael Schumacher
Michael Schumacher

O maior de todos até aqui! Schumacher que sofreu um grave acidente com esqui em 2013 e desde então está tentando se recuperar, até aqui é o maior vencedor da categoria, tendo conquistado sete títulos mundiais. O alemão iniciou sua carreira vitoriosa pela Fórmula 1 pilotando uma Jordan, no ano de 1991 e encerrou a mesma pela Mercedes, em 2012. Mas os títulos vieram atrás do volante de uma Benetton - nos anos de 1994 e 1995 e pela Ferrari - 2000, 2001, 2002, 2003 e 2004.