Sim, o heptacampeão mundial de Fórmula 1 que testou positivo para o Coronavírus nesta última segunda-feira está fora pelo menos do próximo GP de Sakhir, a ser realizado no Bahrein, no próximo final de semana, onde no domingo passado ele foi vencedor - lembrando que nesta temporada teremos dois grandes prêmios no mesmo circuito, mas com traçados diferentes.

Hamilton que já está em isolamento social, ficará de fora por pelo menos 10 dias, e antes do GP de Abu Dhabi, no próximo dia 13 deste mês, ele passará por novos testes para saber se estará apto ou não para participar do mesmo; GP esse que será o último da temporada 2020 da Fórmula 1.

Assim como todos os pilotos, Lewis Hamilton fora submetido a três teses antes do GP do Bahrein, com todos eles negativados, no entanto, na manhã desta última segunda-feira o piloto inglês da Mercedes apresentou sintomas leves e em novo teste esse deu positivo para a COVID-19. Desta forma, assim será a primeira vez que ele ficará de fora de uma corrida desde que estreou na F1, onde disputou 265 GPs de forma seguida até aqui - o piloto inglês estreou na categoria em 2007.

Informe da Mercedes

A equipe assim que teve o resultado do teste para a COVID-19 em seu principal piloto, já tratou de realizar os testes em todos os membros da escuderia e em nota oficial apresentada a imprensa, anunciou que Stoffel Vandoorne - piloto reserva será o substituto de Lewis Hamilton na penúltima etapa do calendário 2020 da F1.

Três pilotos com o Coronavírus na temporada positivados

Além de Lewis Hamilton, a categoria em toda a temporada até aqui apresentou apenas mais dois pilotos positivados com o vírus; foram eles: Sergio Perez e Lance Stroll - ambos da Racing Point.