Você saberia me dizer quanto que ganha um piloto de Fórmula 1? Muito provavelmente que não, ou quem sabe até possa imaginar um valor. Desta forma, nós do Minha Torcida traremos para você os valores salariais dos pilotos da categoria na temporada 2020.

A informação que trazemos aqui foi revelada pela publicação francesa "Business Book GP"; especializada em finanças da Fórmula 1.

Lewis Hamilton, o maior vencedor da história da F1, e atual campeão da categoria, é sem dúvida o maior salário dentre todos os pilotos, onde logo em seguida, aparecem o alemão Sebastian Vettel e o australiano Daniel Ricciardo.

O piloto inglês da Mercedes recebe atualmente 47 milhões de euros - algo em torno de R$ 303 milhões por ano, já o alemão, encerrará seu vínculo com a Ferrari em dezembro deste ano recebendo 35 milhões de euros - R$ 226 milhões e o australiano Ricciardo por sua vez deixará a Renault recebendo 20 milhões de euros - R$ 129 milhões.

Abaixo confirma a lista completa dos vencimentos dos 20 pilotos do atual grid da Fórmula 1:

Vencimentos em euros por temporada

  • Lewis Hamilton - Mercedes - 47 milhões
  • Sebastian Vettel - Ferrari - 35 milhões
  • Daniel Ricciardo - Renault - 20 milhões
  • Max Verstappen - RedBull - 16 milhões
  • Valtteri Bottas - Mercedes - 9 milhões
  • Charles Leclerc - Ferrari - 9 milhões
  • Kimi Raikkonen - Alfa Romeo - 6 milhões
  • Carlos Sainz - McLaren - 4,5 milhões
  • Sergio Pérez - Racing Point - 4 milhões
  • Esteban Ocon - Renault - 4 milhões
  • Alexander Albon - RedBull - 2 milhões
  • Romain Grojean - Haas - 2 milhões
  • Kevin Magnussen - Haas - 2 milhões
  • Lando Norris - McLaren - 1,5 milhões
  • Lance Stroll - Racing Point - 1,5 milhões
  • Pierri Gasly - Alpha Tauri - 1 milhão
  • Daniil Kvyat - Alpha Tauri - 750 mil
  • Nicolas Latifi - Williams - 750 mil
  • George Russell - Williams - 750 mil
  • Antonio Giovinazzi - Alfa Romeo - 500 mil