Fórmula 1: Guanyu Zhou capota na largada do GP da Inglaterra

Aconteceu na largada do GP da Inglaterra de Fórmula 1, neste domingo (3), um acidente, no mínimo, assustador. Ainda antes da 1ª curva, quatro pilotos se envolveram em um grave acidente. Em suma, foram os pilotos: Guanyu Zhou (Alfa Romeo), George Russell (Mercedes), Pierre Gasly (AlphaTauri) e Esteban Ocon (Alpine).

Contudo, a situação do chinês era a que gerava mais preocupação. Já que Guanyu Zhou capotou, e seu carro chegou a ficar preso entre a barreira de pneus e a mureta que separa a pista do público. A assessoria de imprensa tanto do piloto quanto de sua equipe (Alfa Romeo) informaram que ele está consciente e até o momento da publicação desta matéria, ele está no centro médico.

Em suma, outra situação complicada foi a de Alexander Albon (Williams). A saber, o piloto acabou rodando na mesma curva e recebeu pancadas de outros pilotos.

Após a bandeira vermelha, George Russell chegou a sair correndo de sua Mercedes para checar o estado de saúde de Albon e Zhou.

Como tudo aconteceu no GP da Inglaterra

Em suma, toda a confusão no GP da Inglaterra começou antes na 1ª curva, quando Pierre Gasly tentou ficar entre Russell e Zhou. A manobra, claro, não deu certo, e o francês acabou atingindo o piloto da Mercedes. Que por sua vez, perdeu o controle do carro e atingiu forte Guanyu Zhou. Assim, Zhou acabou capotando. O que fez com que seu carro ficasse de cabeça para baixo, derrapasse ao longo da caixa de brita. Por fim, o carro pulou a barreira de pneus e ficou preso entre a mureta e a barreira.

Enquanto isso, a Williams de Alexander Albon foi atingida em 90 graus. A saber, Yuki Tsunoda e Esteban Ocon acabaram atingindo o piloto da Williams. Então, logo na 1ª volta, o GP da Inglaterra foi paralisado com bandeira vermelha.

Ao ver a bandeira vermelha, George Russell saiu correndo de seu carro para conferir como estavam Guanyu Zhou e Alex Albon. Em suma, Zhou estava preso dentro do carro, que estava de lado entre as barreiras. Enquanto Albon estava dentro de seu carro, sentindo os efeitos das fortes batidas.

Assim, ambos foram levados ao centro médico do GP da Inglaterra, e Albon chegou a ir de helicóptero para um hospital próximo a Silverstone para melhores exames. Ambos conscientes e, aparentemente, sem fraturas. O GP da Inglaterra foi retomado cerca de 50 minutos depois. Assim, Russell Zhou e Albon abandonaram a prova.

Foto destaque: Reprodução/Grande Prêmio