Fluminense evita novo caso "Scarpa" ao quitar dívidas com Pedro

A estratégia por parte do Fluminense visa evitar um novo caso “Gustavo Scarpa”, que conseguiu sua liberação via justiça para o Palmeiras na última temporada. Scarpa na época alegava o não pagamento de 13º terceiro e férias – sem contar o FGTS.

Por Minha Torcida
Compartilhe

O interesse por parte do Flamengo em Pedro, fez com que o Fluminense agisse rápido para evitar um “novo” problema judicial com o atacante – algo já vivido com o clube no caso Scarpa em 2018.

Com uma dívida com o elenco, a direção do “Tricolor Carioca” deu um jeito de quitar três meses de trabalho com o jovem atacante. A dívida, que também incluí o direito de imagem de alguns atletas, ainda segue em aberta.

Pedro - atacante do Fluminense.Pedro - atacante do Fluminense e que esteve na mira do Flamengo.

A estratégia por parte do Fluminense visa evitar um novo caso “Gustavo Scarpa”, que conseguiu sua liberação via justiça para o Palmeiras na última temporada. Scarpa na época alegava o não pagamento de 13º terceiro e férias – sem contar o FGTS.

Segundo o site do “SporTV”, após a primeira recusa por parte do Tricolor em relação a proposta do Flamengo por Pedro e a possibilidade de uma nova proposta, fizeram com que a direção do clube das “Laranjeiras” se adiantasse em alguns pontos para evitar uma nova briga judicial e a perca de mais uma estrela do clube, no entanto, a direção do Rubro-Negro para evitar desgaste com a direção Tricolor, optou por não avançar nas negociações.

Vale lembrar que Flamengo e Fluminense estão juntos na gestão do Maracanã; fato esse lembrado por Marcos Braz – vice-presidente de futebol do Flamengo, ao desistir de uma nova proposta pelo atacante em questão.

É bom salientar que na última semana, o presidente do Fluminense – Mario Bittencourt, afirmou que só aceitaria liberar seu jovem atacante caso o clube rival pagasse o valor total da multa rescisória – 50 milhões de euros – algo próximo a R$ 220 milhões.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal