Na disputa pela Libertadores da América 2021, o Fluminense as vésperas de iniciar sua caminhada no torneio sul-americano agitou o mercado de transferências nesta última segunda-feira, onde fechou um pacotão com quatro reforços: Abel Hernández (Internacional), Cazares (Corinthians), Manoel (Cruzeiro) e Raul Bobadilla (Guaraní-PAR); isso sem comentar sobre David Braz (Grêmio), que já está apalavrado e aguardando por liberação do Tricolor Gaúcho.

Corrida contra o tempo

Assim, o Fluminense corre contra o tempo para deixar todos esses regularizados a tempo de estrear na Libertadores 2021, na próxima semana - dia 20 deste mês. Para esse primeiro jogo, o Flu pode inscrever seus jogadores até as 15h (de Brasília) do dia 19 de abril, no entanto, devem até o próximo sábado, às 18h15 (também de Brasília), enviar a lista contendo no mínimo 21 jogadores, sendo desses, três goleiros, que poderão jogar na fase de grupos.

Com isso, o Tricolor das Laranjeiras terá apenas cinco dias para a realização de exames médicos, assinatura de contratos e anúncios desses novos reforços. Nesta terça-feira, são aguardados os dois primeiros nomes acima citados: Cazares e Manoel, que já passarão pelos exames médicos e assinatura de contratos; na quarta, será a vez de Abel Hernández, que fora liberado pelo Internacional para acertar com o Fluminense, assim como Bobadilla, que chegará por empréstimo por um ano.

Com os reforços aqui citados, o Fluminense na temporada chegará a sete para a Libertadores, visto que já anunciou as contratações de Samuel Xavier (Ceará) e Wellington (Athletico). O clube carioca das laranjeiras ainda tem outro reforço em sua mira para a disputa do torneio sul-americano; aqui falamos de Willian Bigode, que nesta quarta-feira ainda jogará pelo Palmeiras na disputa da Recopa, diante do Defensa y Justicia, antes de resolver seu futuro.