Com muitos confrontos importantes pela frente nos próximos dias, o Flamengo espera poder contar com força máxima na Copa do Brasil; sabedor de que no próximo duelo pelo Brasileirão, diante do Inter, no próximo domingo, alguns de seus principais atletas ainda estarão de fora, o Rubro-Negro se prepara para poder contar com todos diante do Athletico.

Nesta temporada, assim como a grande maioria dos clubes brasileiros, o "mengão" vem convivendo com diversos problemas médicos - principalmente nas últimas semanas. Um surto de COVID-19 no elenco e várias lesões ao mesmo tempo tiraram diversos jogadores da equipe de Domènec Torrent, no entanto, o pior parece estar passando e a expectativa é de que até o compromisso pela Copa do Brasil, todos estejam à disposição do técnico espanhol.

O Flamengo encarar o Athletico no dia 28 de outubro, às 21h30, ou seja, daqui a sete dias, na Arena da Baixada e para esse primeiro compromisso pela Copa do Brasil, espera poder contar com todos os jogadores de seu elenco. Lembramos que o jogo da volta diante do "Furacão" pelo torneio em questão será no dia 04 de novembro, no Maracanã.

Mesmo tendo diversas baixas em seu elenco, o Flamengo vem mostrando bom futebol - pelo menos nos resultados obtidos em campo, garantindo assim a classificação as oitavas de final da Libertadores e a briga pela liderança do Brasileirão com o Internacional - próximo adversário no final de semana, pelo campeonato nacional, no domingo.

Sem nenhum novo caso de COVID-19 no momento, os jogadores lesionados vão retornando aos poucos, como é o caso de Arrascaeta, que estará liberado para encarar o Inter, no Beira-Rio, neste domingo; se assim o técnico desejar. Outro que volta a estar à disposição do técnico Domènec, é o lateral-direito João Lucas, que se recuperou de uma lesão muscular na coxa.

Jogadores em recuperação

Do elenco, quatro jogadores seguem em recuperação: o goleiro Diego Alves (com dores no joelho, podendo ficar a disposição no próximo domingo) e o zagueiro Rodrigo Caio, que se recupera de um desgaste muscular. Já Gabigol e Pedro Rocha ainda necessitam de mais tempo, no entanto, a comissão técnica espera poder contar com eles para o confronto diante do Athletico, pelas oitavas da Copa do Brasil, já na próxima semana.