Apesar de recém ter chegado, Domènec Torrent que tenta cada vez dar mais sua cara ao time do Flamengo, já estaria apresentando alguns desgastes com seu elenco e com isso pesando o ambiente interno do Rubro-Negro.

Tentando modificar a forma de trabalhar com o elenco, destruindo com a filosofia implementada por Jorge Jesus ao tentar dar chances para os reservas para assim entender melhor seus conceitos, o trabalho do antigo treinador caiu por terra, uma vez que nem sempre os melhores jogadores atuam. Com novos cumprimentos táticos implantados pelo técnico espanhol, pode fazer com que brigas pela titularidade se acirrem cada vez mais dentro do elenco flamenguista, minando com isso o ambiente interno que até então era de "tranquilidade".

Ao perceber que Pedro Rocha estava treinando bem, o atual comandante técnico do Flamengo decidiu por dar chance ao ponta no lugar de Arrascaeta, que não tinha problemas físicos, mas oscilava na função tática. Se por outro lado Jorge Jesus mantinha seu esquema no 4-4-2 para não abrir mão do uruguaio e Éverton Ribeiro, os meias com o treinador espanhol deixaram de ser intocáveis, o que pode estar gerando os primeiros conflitos internos dentro do vestiário do Flamengo.

Tanto que o meia uruguaio publicou recentemente o seguinte com sua atual situação no time carioca:

"Tem gente me perguntando se estou lesionado; estou 100% graças a Deus", publicou Arrascaeta em sua conta no Twitter nesta última segunda-feira, dando sinais claros de insatisfação com os pensamentos de seu treinador.

Internamente, o elenco do Flamengo tenta se manter motivado para a transição de trabalho, mas mostra dificuldades para engrenar neste Brasileirão.