Diferentemente do consenso entre todos dentro do Flamengo que reconhecem que Zico é sem dúvidas o maior jogador da história do clube até os dias de hoje, no que abrange a função de goleiro a situação é totalmente diferentes e há muitas dúvidas para escolher o melhor entre tantos que já defenderam as cores do Rubro-Negro.

Mesmo muitos torcedores da antiga defendendo que Raul Plassmann é o "melhor" goleiro que já defendeu o gol do Rubro-Negro, há outros grandes nomes a serem lembrados, entre eles, até mesmo o atual guarda-metas do clube - aqui falamos de Diego Alves, que ajudou o clube recentemente a conquistar títulos importantes na última temporada, como a Libertadores e o Brasileirão.

Além desses, também não podemos esquecer outros grandes nomes, como Cantarelli e Júlio César. Vamos então aos cinco maiores goleiros da história do Flamengo:

Raul Plassmann

Raul Plassmann
Raul Plassmann

Plassmann não é cria da casa, mas fez história no Flamengo; vindo do Cruzeiro, ele chegou ao Rubro-Negro já com sua carreira consolidada, tendo mais de 500 partidas pelo time mineiro e desta forma não demorou a cair nas graças do torcedor flamenguista. Pelo clube carioca, foram 228 partidas e vários títulos, entre os mais importantes, os três primeiros campeonatos brasileiros conquistados pelo clube e também a Libertadores de 1981 - sem esquecermos a Taça Intercontinental no mesmo ano, no Japão. Por essa conquista em especial, é considerado por muitos como o maior goleiro da história do Flamengo. Ao falar de Raul Plassmann é impossível não lembrar do seu uniforme de jogo. Em uma época que todos os guarda-metas usavam preto, ele utilizava uma camisa amarela e luvas brancas. Plassmann atuou pelo clube entre os anos de 1978 a 1983.

Antônio Luís Cantarelli

Cantarelli
Cantarelli

Reserva de Plassmann, Cantarelli acabou sendo reconhecido como "discípulo" do seu antecessor, no entanto, não teve o mesmo prestígio de seu "mestre", mesmo assim, está na lista dos cinco maiores goleiros da história do Flamengo. Cria da casa, Cantarelli permaneceu no Rubro-Negro por 17 anos e ao longo desses anos conquistou diversos títulos, entre os mais importantes, quatro Brasileirões e uma Libertadores. O goleiro aqui em questão permaneceu no Rubro-Negro entre os anos de 1973 a 1990.

Zé Carlos

Zé Carlos
Zé Carlos

José Carlos da Costa Araújo, foi goleiro titular do Flamengo entre os anos de 1986 a 1991, tendo seguido com o legado de Raul Plassmann e Cantarelli, sendo ele considerado peça-chave para grandes conquistas do time carioca, dentre esses, inúmeros campeonatos estaduais.

Júlio César

Júlio Cesar
Júlio César

Ídolo recente da história do Flamengo, Júlio que é um apaixonado pelo Rubro-Negro vestiu a camisa do time em 285 partidas, sendo apresentado ao mundo aos 17 anos, onde passou a integrar o elenco profissional no ano de 1997 e no mesmo ano que ficou marcado na história do clube ao defender um pênalti no clássico Fla-Flu. Ele veio a se firma no gol do Flamengo somente no ano de 2000, sendo importante para o título carioca de 2001 e peça fundamental em um ano que o Flamengo por muito pouco não acabou sendo rebaixado no Brasileirão. Entre sua estreia com a camisa do clube carioca e sua despedida do futebol, se passaram alguns anos, onde antes de retornar ao Rubro-Negro para encerrar a sua gloriosa carreira como goleiro profissional, disputou duas Copas do Mundo, voltando ao Flamengo no ano de 2018, após passar por vários clubes da Europa. Com a camisa do seu clube do coração, conquistou os títulos cariocas de 1999, 2000, 2001 e 2004, a Copa Mercosul de 1999 e a Copa dos Campeões de 2001. De casa foram 9 anos, entre 1997 a 2005 e depois em 2018.

Diego Alves

Diego Alves
Diego Alves

Desde 2018 no Rubro-Negro, Diego Alves chegou muito badalado, porém, demorou para engrenar e por muito pouco não acabou deixando o Ninho do Urubu (casa do Flamengo). Contudo, o goleiro conseguiu dar a volta por cima e acabou se transformando em um dos destaques nas conquistas de 2019, com grandes defesas e com sua liderança em campo, sendo hoje muito aclamado pelos torcedores flamenguistas que passaram a confiar em seus serviços pelo clube.

Outros nomes

Além dos goleiros acima citados como os cinco melhores da história do Flamengo, a meta rubro-negra também teve outros grandes nomes, como Gilmar Rinaldi - goleiro campeão brasileiro em 1992 e Clêmer, que deixaram saudades aos torcedores do Rubro-Negro.