Rodolfo Landim (presidente do Flamengo) não gostou nadinha do que ouviu de Romildo Bolzan Júnior (presidente do Grêmio), que declarou em entrevista coletiva nesta semana que o Flamengo já dava como contado o jogo diante do Tricolor Gaúcho e com isso estaria na final da Libertadores, apontando clima de "soberba e arrogância".

Nesta última terça-feira o mandatário do Rubro-Negro em entrevista a um jornal do centro do país mandou uma resposta ao presidente do Grêmio, afastando qualquer possibilidade de "soberba e arrogância", como Bolzan havia declarado um dia antes, afirmando inclusive que dentro da Gávea as "sandálias da humildade" estavam vestidas.

"Flamengo? Instituição? O Romildo é uma pessoa super elegante, não sei de onde ele tirou essa ideia. Mas, isso não existe. O que existe são jogadores focados e a torcida feliz depois de seis vitórias. O ambiente realmente é bom, mas não tem soberba nenhuma, sandálias da humildade", declarou Rodolfo Landim ao jornal o "Globo".

Lembrando que Flamengo e Grêmio ou Grêmio e Flamengo fazem a primeira partida da semifinal da Copa Libertadores da América no dia 02 de outubro, na Arena, em Porto Alegre - o jogo da volta entre as duas equipes será no dia 23 do mesmo mês, no estádio do Maracanã.

Para chegarem até essa fase da competição, Grêmio e Flamengo eliminaram Palmeiras e Internacional - respectivamente e quem passar para a grande final da competição continental, irá encarar o vencedor de Boca Juniors x River Plate. Promessa de grandes jogos pela Libertadores!