Rafinha faz alerta para euforia no Flamengo: " Apenas no lado de fora"

Em entrevista coletiva, o lateral-direito do Flamengo comentou sobre conter a euforia da torcida, e sobre o duelo diante do Santos, neste sábado.

Por Talis Andrey de Mello
Compartilhe

O grande momento do Flamengo na temporada vem despertando a euforia da torcida rubro-negra. Entretanto, todo esse clima de "oba-oba" não pode ultrapassar as arquibancadas. Em entrevista coletiva concedida nesta terça-feira, o lateral-direito Rafinha comentou sobre a grande fase do clube, e sobre conter a euforia:

"Pela experiência que tenho, sei que devemos ter muito cuidado no futebol. A euforia tem que ficar do lado de fora. O mister sempre cobra isso. Temos que ter o pé no chão. Não importa como começa. O que importa é como termina."

Sobre a partida diante do Santos, neste sábado, o jogador afirmou:

"Espero que possa sair muitos gols, mas que seja ao nosso favor. Espero que a gente possa fazer um ótimo jogo e que saia vitorioso. Tenho certeza que vai ser um grande jogo."

Outro importante ponto abordado na entrevista coletiva foi o da nova tendência no futebol brasileiro: a chegada de treinadores estrangeiros. O duelo deste sábado marcará o embate entre Jorge Jesus e Jorge Sampaoli, dois técnicos que estão sendo os "queridinhos" do futebol brasileiro:

"É interessante que venham treinadores estrangeiros. Se vierem para acrescentar, por que não? Mas o Brasil também tem uma boa escola de treinadores. Tem treinadores vitoriosos que foram campeões em tempos até mais difíceis."

.

Além disso, Rafinha comentou sobre o seu papel de liderança e de experiência com os jogadores mais novos do Flamengo, e sobre a importância da sua experiência no futebol:

"Procuro sempre ficar perto dos mais novos. Sei como é. O Flamengo é um clube muito grande. Vivi isso muito na minha carreira. A gente sempre procura passar informação para eles. Futebol é complicado porque quando você pensa que está por cima pode ficar para baixo. Não é só alegria. Tem uma frase que eu gosto, que é: "o sucesso e o fracasso não são para sempre". Mas eles são muito espertos. Eles escutam. São diferentes. Para mim não surpreende o que acontece nos jogos porque eu vejo eles treinando. Podem voar o mais alto que for, mas se possível deixar o pé no chão que o sucesso vem naturalmente."

Mais sobre: flamengo rafinha santos
Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal