Risco de tufão em Tóquio, no Japão, antecipa as finais do surfe nos Jogo Olímpicos. Três brasileiros ainda seguem vivos na competição.

Prevista inicialmente para a quarta-feira - 28 de julho, as finais do surfe nas Olimpíadas de Tóquio foram adiantas para essa terça-feira (27) pela manhã - madrugada no Brasil.

A decisão como já declaramos acima, é em decorrência de um alerta de tufão na capital japonesa, onde nesta decisão temos três nomes disputando as medalhas: Gabriel Medina, Italo Ferreira e Silvana Lima.

As quartas de finais iniciam nesta noite de segunda-feira, às 19h (de Brasília), já no horário de Tóquio, as baterias finais ficaram para às 7h da manhã até as 16h31 desta terça-feira; assim sendo, com fuso horário de 12h para o Brasil, isso corresponderá à noite de segunda e madrugada de terça-feira.

Quartas de finais do Surf nas Olimpíadas

Nesta fase, Italo Ferreira irá encarar o japonês Hiroto Ohhara, às 20h12. Antes disso, às 19h36, Gabriel Medina encara o francês Michel Bourez. A única brasileira na disputa pela medalha, Silvana Lima, irá encara a norte-americana Carissa Moore, às 22h36.

Finais do Surf nas Olimpíadas

As finais irão ocorrer logo após a definição das quartas de final, com as semifinais e finais ao longo do dia em Tóquio - madrugada no Brasil.

Gabriel Medina e Italo Ferreira são os atuais líderes do ranking da Liga Mundial de Surfe e favoritos na modalidade; já Silvana Lima terá mais dificuldade pela frente, onde a brasileira de 36 anos terá que encarar a atual número 1 do ranking na liga feminina e obviamente a atual campeã.