O Coronavírus segue causando problemas no "Velho Continente", não somente na questão "saúde", como também em outras áreas, bem como a do futebol. De acordo com as últimas informações vindas da Europa, o presidente da FIFA - Gianni Infantino revelou durante um Congresso da UEFA - realizado na última semana, que não garante a realização da EUROCOPA 2020.

"Não podemos descartar nada, mas não podemos entrar em pânico. Pessoalmente, não estou preocupado, mas devemos avaliar seriamente a situação, embora esperamos não avançar em direção a uma suspensão de eventos em escala mundial", declarou.

Os duelos qualificatórios para as últimas vagas da edição 2020 da EUROCOPA iniciam no próximo dia 26 de março - lembrando que o torneio em questão terá início no dia 12 de junho e seu término no dia 12 de julho.

Com o final do inverno no "Velho Continente", a expectativa é de que a transmissão do vírus diminua e as competições possam ocorrer normalmente e sem prejuízos esportivos ou a segurança e saúde dos torcedores.

Gianni Infantino - presidente da FIFA.
Gianni Infantino - presidente da FIFA.