Em entrevista a "ESPN Brasil" nesta última terça-feira, atual presidente do Cruzeiro garantiu que o rebaixamento da "Raposa" a Série C do Brasileirão jamais irá ocorrer!

"O rebaixamento a Série C nunca via acontecer na nossa gestão", declarou Sérgio Santos Rodrigues.

O mandatário cruzeirense foi categórico ao garantir a torcida que o time não passará por essa situação relacionada à possibilidade de um descenso a Série C do Campeonato Brasileiro devido a uma dívida cobrada pelo Al Wahda - dos Emirados Árabes.

Em uma reunião realizada nesta última segunda-feira, o presidente do Cruzeiro apresentou aos membros do Conselho a situação financeira pelo qual passa o clube; além disso, o mesmo revelou que o clube árabe voltou novamente a exigir aplicações de uma nova pena a "Raposa" junto a FIFA, pelo não pagamento de uma dívida relacionada ao volante Denilson - no valor de R$ 5,3 milhões.

Notícia essa que logo deixou os torcedores cruzeirenses preocupados, no entanto, Rodrigues tratou de acalmar os mesmos, lembrando que o processo ainda será executado e não possui data para o pagamento. Mas ele afirmou que não pretende ser pego de surpresa.

"Na verdade não é bem isso. A gente teve uma reunião para alienar um dos seis imóveis que o Cruzeiro tem aqui. E o que a gente explicava é que essa penalidade de menos seis pontos que ocorreu no processo da FIFA - do Al Wahda, o segundo passo dela é ter um rebaixamento, mas que tem um novo processo caminhado para isso e que se chegar à intimação para pagar esse valor à próxima penalidade seria sim o rebaixamento. Mas isso na chega de uma hora para outra", destacou o presidente do clube mineiro.

O presidente do Cruzeiro tem uma expectativa de arrecadas cerca de R$ 13 milhões com a venda da Campestre II - valor esse que servirá para tranquilizar os cruzeirenses e quitar algumas dívidas mais urgentes - como essas junto a FIFA, por exemplo.

Na votação da última segunda-feira, o Conselho Deliberativo do Cruzeiro aprovou a venda da Campestre II por unanimidade - onde agora aguarda pelas propostas!