FIFA diz que Cruzeiro tem que perder seis pontos no Brasileirão, entenda:

A dívida cobrada pela FIFA é referente a três parcelas de 500 mil euros, que foram acordadas em 2014. Mesmo com o Cruzeiro tendo pago as parcelas ao Metalist, o valor deveria ter sido repassado ao Zorya por conta de um imbróglio.

Por Minha Torcida
Compartilhe

Definitivamente o Cruzeiro não vive um momento astral muito favorável. Com uma séria crise financeira e política, o clube mineiro recebeu mais uma notícia ruim nesta quarta-feira. Segundo o jornalista Ancelmo Góis - do jornal "O Globo", o Comitê Disciplinar da FIFA informou a Confederação Brasileira de Futebol - CBF que está terá que punir o Cruzeiro em 6 pontos na tabela do Campeonato Brasileiro.

A pena seria em virtude de uma dívida cruzeirense no valor de 1,5 milhões de euros com o Zorya Luhansk - da Ucrânia, pela contratação do atacante William - hoje no Palmeiras.

William - ex-jogador do Cruzeiro.William - ex-jogador do Cruzeiro.

No entanto, a direção do clube garante que recebeu nesta última terça-feira um documento dando conta de que essa decisão não é definitiva e com isso irá recorrer da decisão da FIFA junto ao CAS.

A dívida cobrada pela FIFA é referente a três parcelas de 500 mil euros, que foram acordadas em 2014. Mesmo com o Cruzeiro tendo pago as parcelas ao Metalist, o valor deveria ter sido repassado ao Zorya por conta de um imbróglio envolvendo o bilionário Sergey Kurchenko, que era presidente do clube ucraniano.

Através de uma nota oficial, o Cruzeiro se manifestou sobre o caso:

"O Cruzeiro, conforme nota oficial da FIFA divulgada ontem, não corre nenhum risco de perda de pontos no Campeonato Brasileiro ou qualquer outra competição que esteja disputando. Há um processo tramitando na FIFA, do FC Zorya da Ucrânia contra o Cruzeiro Esporte Clube, relativo à transferência do atleta William. O Cruzeiro perdeu a causa em primeira instância, mas, em seguida, entrou com um recurso conseguindo uma liminar que foi aceita pela FIFA e pelo CAS - Corte Arbitral do Esporte. Um novo julgamento será marcado dentro de aproximadamente 10 meses. Segundo nosso advogado internacional, Dr. Breno Tanuri, se houver nova derrota, o Clube terá 90 dias para efetuar o pagamente desta dívida. Diante disso, não há nenhuma verdade quando se fala em perda de pontos".

Diferente do que relata o Cruzeiro, existe sim a chance de perca de pontos no Campeonato Brasileiro, o que não há ainda é o esgotamento dos recursos para tentar reverter à sanção.

Mais sobre: fifa cbf cruzeiro
Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal