Cristiano Ronaldo pode triplicar receitas de patrocínios com a Juventus

De acordo com o jornal italiano Tuttosport, as receitas vindas de patrocínios da Juventus triplicaram de valor desde que Cristiano Ronaldo chegou ao clube.

Por Talis Andrey de Mello
Compartilhe

Certamente, a chegada de Cristiano Ronaldo em qualquer clube, faz com que as receitas aumentem consideravelmente, mesmo com os altos gastos. Na Juventus, obviamente, não foi diferente. Mesmo com o investimento de cerca de 100 milhões de euros ( aproximadamente R$440 milhões), as receitas do gigante italiano triplicaram de tamanho desde que o craque português chegou.

Com a chegada de Cristiano Ronaldo, no início da última temporada europeia, a Juventus alcançou outro patamar tanto esportivamente, quando financeiramente falando. E um dos reflexos disso se dá, sobretudo, nos valores de patrocínio negociados pelo clube. A Jeep, montadora italiana que desde 2012 ocupa o espaço de patrocínio master da camisa da Velha Senhora, está perto de renovar o seu contrato com o clube, e de acordo com o jornal Tuttosport, o valor do novo vínculo assusta.

mmm

Atualmente, a empresa paga 16 milhões de euros (cerca de R$72 milhões) fixos por ano, com possibilidade de bônus que elevam o valor para, no máximo, 20 milhões de euros (cerca de R$90 milhões). Agora, o contrato deve passar a valer nada menos que 50 milhões de euros (cerca de R$226 milhões) anuais.

Com isso, a renovação com a Jeep segue na mesma linha que aconteceu com a Adidas, que é a fornecedora de materiais esportivos do clube. No fim do ano passado, a empresa alemã passou a pagar cerca de 51 milhões de euros (cerca de R$230 milhões), valor duas vezes maior do que o que era pago antes de Cristiano Ronaldo chegar no clube italiano. Para se ter noção do impacto que o "efeito CR7" causou em Turim, desde que o craque português chegou ao clube, a Velha Senhora, por exemplo, aumentou sua audiência nas redes sociais em 68%.

Torcedor: compartilhe
Siga nas redes
Comentários
Carregar comentários
Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal