Técnico estrangeiro no Corinthians? Sim; essa possibilidade não está descartada, ainda após as últimas informações a respeito do "Timão", que dão conta de que o técnico sueco Sven-Goran Eriksson estaria de olho no futebol brasileiro e teria sido oferecido ao clube aqui em questão.

A informação que trazemos para você foi primeiramente revelada por Jorge Nicola - comentarista dos canais ESPN, em seu blog no site "Yahoo".

Representado na América do Sul por Daniel Kozik, Eriksson pode ser lembrado pelos seus trabalhos a frente da seleção inglesa nas Copas do Mundo de 2002 e 2006 e segundo as últimas informações, o seu representante estaria em negociação com a direção corintiana nas últimas horas.

Aos 72 anos, o técnico não trabalha desde 2019, quando pediu para sair do comando técnico da seleção das Filipinas. Seus últimos três trabalhos foram no futebol asiático, mais propriamente dito, na China, onde comandou as equipes do Shenzhen, Shanghai SIPG e Guangzhou R&F.

Comando em seleções

O profissional aqui em questão também conta como passagens pelas seleções do México e Costa do Marfim.

Sem trabalho desde o último ano, o técnico vê com bons olhos uma possibilidade de trabalho no Brasil, onde ele declarou o seguinte ao repórter acima citado nesta matéria.

"Depois de um período de descanso, quero retornar ao trabalho como treinador, porque é minha vida e posso fazer boas coisas. Se existe a possibilidade de ir para o Brasil, seguramente eu vou. Claro que seguramente depende de um projeto, mas a questão financeira não é um problema", teria revelado Eriksson a Jorge Nicola.

O profissional aqui em questão entende nosso idioma, uma vez que já comandou o Benfica, entre os anos de 1982 a 1984; retornando ao clube entre os anos de 1989 a 1992. Além dos clubes acima mencionados em seu currículo como treinador, ele também comandou clubes na Itália e na Inglaterra: Roma, Fiorentina, Lazio e Manchester City e outros.

O Corinthians desde a demissão de Tiago Nunes, conta com uma vitória somente no Campeonato Brasileiro - essa diante do Bahia, onde ainda soma duas derrotas e dois empates até aqui.