Não deu para ele! Sim, Tiago Nunes não é mais o comandante técnico do Corinthians. O anúncio oficial da demissão do profissional em questão foi dado no início desta noite da última sexta-feira, um dia depois da derrota para o Palmeiras, em partida válida pela nona rodada do Brasileirão 2020.

Agora em busca de um novo treinador para a sequência da temporada, o Corinthians além desse problema, terá que arcar com mais um gasto milionário nas finanças do clube. O valor especulado pela quebra de contrato com Tiago Nunes gira em torno de R$ 1,2 milhão - valor esse que ele teria a receber até dezembro deste ano.

Tiago Nunes que terá uma bolada a receber do Timão, caiu após os maus resultados e a isso somado a eliminação na Pré-Libertadores e na ameaça de rebaixamento no Campeonato Paulista deste ano, mesmo tendo ele conseguido chegar a final do torneio, mas perdendo nos pênaltis para o Palmeiras.

Sem o apoio dos jogadores dentro do vestiário, a direção do Corinthians não teve outra escolha a não ser pela demissão, com isso, quem deverá comandar o Timão para a partida diante do Fluminense pela 10ª rodada do Brasileirão, neste domingo, às 16h, será o técnico Dyego Coelho - da equipe Sub-20 do clube.

Tiago Nunes deixa o comando do Timão após 26 jogos, onde ele repetiu a escalação em apenas sete oportunidades - algo por ele buscado, uma vez que gostava de rodar o elenco e essa situação foi um dos agravantes para a sua demissão, visto que os jogadores não gostavam desta forma de trabalho do treinador e de suas coletivas, onde na grande maioria colocava a culpa dos maus resultados nas costas do elenco.