Um dos jogadores mais promissores do futebol brasileiro, o meia Pedrinho novamente é alvo do futebol europeu. Desta vez, os principais interessados no camisa 38 do Corinthians são o Borussia Dortmund e o Benfica, e sabendo do potencial do jogador e também da necessidade de gerar receitas, o clube paulista espera propostas oficiais pelo atleta para definir sua situação.

O Benfica é o principal interessado no jogador, e até por isso, o presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, embarcou para a Europa com o objetivo de definir a situação de Pedrinho. Ainda nesta quinta-feira, o mandatário corintiano deve se reunir com a diretoria do Benfica para avançar, ou até mesmo definir as tratativas. A operação deve girar em torno de 20 milhões de euros (R$93 milhões).

Andrés está na Europa desde a noite da última quarta-feira. Começou sua viagem pela Espanha, passando pela Itália e chega a Portugal ainda nesta quinta-feira. O presidente corintiano deve participar de uma roda de conversas com o mandatário do Benfica, Luís Filipe Vieira.

Pedrinho deve ser negociado com o futebol europeu. (Foto:Divulgação)
Pedrinho deve ser negociado com o futebol europeu. (Foto:Divulgação)

Além de Andrés, quem trabalha nas negociações é o agente Júlio Taran, sócio de Giuliano Bertolucci, que também deve estar presente na reunião entre Corinthians e Benfica após concluir outras negociações no ''Velho continente", a principal delas sendo a venda do atacante Matheus Cunha do RB Leipzig ao Herta Berlim. Will Dantas, empresário de Pedrinho e dono de 30% dos direitos do jogador, está no Brasil.

Dono de 70% dos direitos econômicos de Pedrinho, o Corinthians tenta aumentar o valor da oferta e negocia ainda para manter um percentual do jogador, hoje camisa 10 da seleção brasileira sub-23. A ideia do Timão é permanecer com 20% de uma futura transferência.

Aos 21 anos, Pedrinho atualmente está na Colômbia com a seleção brasileira sub-23, que disputa o Pré-olímpico em busca de uma vaga em Tóquio. Dono da camisa 10, tem dois jogos e um gol no torneio.