Com Duílio Monteiro Alves se elegendo presidente do Corinthians, o departamento de futebol do clube deverá passar por alterações em 2021. Mesmo fazendo parte do grupo que atualmente administra o clube, o novo mandatário corintiano deverá mexer no pelotão de cima e com isso Eduardo Ferreira e Jorge Kalil deverão deixar o comando do futebol na próxima temporada.

Ferreira deverá ser repassado à administração do quadro social, auxiliando o novo presidente na relação com os sócios e com os conselheiros, por sua vez, Kalil deverá deixar o Corinthians, onde o próprio já havia admitido que pretendia se afastar um pouco do dia a dia do clube.

Novo gerente de futebol

Além desses nomes já aqui citados, outro que poderá ser substituído é Vilson Menezes - gerente de futebol do clube, que deverá ser substituído em 2021 - mais provavelmente a partir de fevereiro, quando se encerra o Brasileirão 2020. O nome de seu provável substituto ainda não fora revelado.

Alterações no financeiro

Além de todas essas mudanças aqui já citadas, outro departamento do clube paulista que deverá conter alguma modificação, é o departamento financeiro e o nome mais provável para assumir a pasta é de: Wesley Melo, que irá substituir Matias Romano Ávila.

Enquanto não toma posse, Duílio Monteiro Alves vai aproveitando o tempo para formar a sua cúpula para administrar o Corinthians a partir de 2021, quando terá muito trabalho pela frente; entre eles o de recolocar o "Timão" de volta aos trilhos dos títulos.

Andrés Sanchez até janeiro

Antes da nova administração tomar posse no clube, Andrés dirigirá o clube até o dia 03 de janeiro de 2021 - mesmo dia em que o "Timão" deverá encarar o Palmeiras, pelo Campeonato Brasileiro 2020.