Ange Postecoglou não é mais treinador da Austrália

Treinador da Austrália pedi demissão uma semana após classificar a seleção para o Mundial da Rússia, em 2018.

Por
Compartilhe

Desde 2013 a frente da seleção australiana, o treinador Ange Postecoglou anunciou nesta manhã de quarta-feira que está deixando o cargo de treinador. O anúncio foi comunicado através de uma coletiva de imprensa, ocorrida em Sydney, na capital do país. O ex-treinador deixa a Austrália classificada para a Copa do Mundo da Rússia, em 2018.

Ange Postecoglou não é mais treinador da Austrália.Ange Postecoglou não é mais treinador da Austrália.

“Eu investi muito de mim nessa missão, sabendo que ela seria importante para o futebol australiano. E é com o coração partido que agora encerro a jornada. Comandar seu país natal é uma grande honra, mas também uma enorme responsabilidade. E acredito que agora é à hora de passar essa responsabilidade a alguém com toda a energia que o cargo requer. Amo comandar os jogadores australianos. Disse a eles muitas vezes que quando você toma a decisão de tentar ser jogador de futebol profissional nesse país, está escolhendo o caminho mais difícil, e é preciso muita coragem. É por isso que amo comandar cada jogador deste país, mas agora vou aguardar ansiosamente para ver o time em ação na Copa do ano que vem. Tenho a certeza de que o caminho a frente terá inúmeros momentos especiais e ninguém estará mais feliz em ver e torcer por esses garotos do que eu” completou Postecoglou.

A frente da seleção, Postecoglou comandou a Austrália em 49 partidas, vencendo 22 partidas, obtendo 12 empates e perdendo por 15 vezes. Sob o comando do Grego, a Austrália foi campeã da Copa da Ásia de 2015, único título levantado por ele como treinador da seleção. Seu vínculo acabaria somente em dezembro de 2018.

Comentários